SEGURANÇA

Com trabalho integrado, 17º BPM comemora redução da criminalidade em Paulista

Publicado em: 24/01/2023 19:20

 (Foto: Divulgação.)
Foto: Divulgação.
Após um ano de trabalho integrado entre o 17º Batalhão da Polícia Militar (BPM), Polícia Civil, a Guarda Municipal do Paulista e o Poder Judiciário, houve uma redução significativa no índice da criminalidade. A queda se deu em Paulista e no restante da área de cobertura da corporação militar. A meta estabelecida na diminuição de homicídios é de 12%, e no ano de 2022, o 17º BPM superou a meta, com redução de 18% nos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), e de 23% nos Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVP), como assaltos e furtos.

O 17º BPM cobre os municípios do Paulista e Abreu e Lima, e junto com o 26º BPM, que atende aos municípios de Araiçoaba, Igarassu, Itamaracá e Itapissuma, compõe a Área Integrada de Segurança (AIS-8). Além do trabalho conjunto entre a corporação e demais entidades governamentais, a Polícia Militar conta ainda com a confiança da população, o que reflete na colaboração através de denúncias, resultando em prisões de suspeitos de diversos crimes.

De acordo com o comandante do 17º BPM, o Tenente Coronel Flávio Duarte, 2022 foi o melhor do ano para os batalhões da AIS 8. "Fui comandante do 1º BPM, de Olinda, e cheguei aqui no início do ano passado. Vim com a responsabilidade de melhorar, e quando a gente percebe os resultados, entendemos que estamos no caminho certo. Claro que sempre temos que inovar, então, é com essa inovação que a corporação tenta avançar em resultados ainda melhores", concluiu o comandante Flávio Duarte.

O prefeito Yves Ribeiro, que esteve com representantes da gestão municipal em visita ao 17º BPM, ressaltou a importância da integração de forças entre os governos municipal e estadual. "Paulista foi a segunda cidade menos violenta do Estado de Pernambuco em 2022. Quando existem políticas públicas e união de forças entre os governos o resultado é esse", enfatizou o gestor. 

Além das ações envolvendo as forças de segurança do município, outros fatores têm contribuído muito para esses resultados, como investimentos na área da educação, da geração de empregos com instalação de empresas no município, além de políticas públicas de assistência social para famílias em situação de vulnerabilidade. Tudo isso reflete em uma melhor qualidade de vida da população e na redução da violência no município.

COMENTÁRIOS

Os comentários a seguir não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.