ELEIÇÕES

Fabio Wajngarten coordenará comunicação da campanha de Bolsonaro

Publicado em: 01/07/2022 22:08

 (Foto: Anderson Riedel/PR)
Foto: Anderson Riedel/PR
O ex-secretário especial de Comunicação Social da Presidência da República Fabio Wajngarten vai ser o coordenador de Comunicação da pré-campanha do presidente Jair Bolsonaro à reeleição. Com o reforço do pré-candidato à vice, general Braga Netto, o presidente completa o time que vai ocupar a cabine de comando da sua campanha. E espera acabar com a descoordenação que marca suas atividades pré-eleitorais.

O comitê oficial de campanha, uma reivindicação antiga de alguns assessores, já está pronto no Lago Sul, bairro nobre de Brasília, e deve ser inaugurado nesta segunda-feira. É de lá que vai despachar o núcleo operacional, sob coordenação de Braga Netto e Wajngarten — que vai cuidar das relações institucionais e com os veículos de comunicação. Duda Lima segue como marqueteiro indicado pelo PL, e o jornalista Douglas de Felice fará a interlocução com a imprensa. Esse será o lado visível da equipe.

Na coordenação geral seguem os filhos do presidente Flávio e Carlos Bolsonaro, o ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, e o presidente do PL, Valdemar Costa Neto. Exceto Carlos, que permanecerá cuidando das redes sociais do pai, os demais permanecem como os principais negociadores do presidente no Congresso. A composição dos palanques estaduais é coordenada pelo presidente do PL.

Alguns assessores palacianos devem pedir exoneração dos cargos para se integrarem à campanha, que será bancada pelo PL.

Redes sociais
Enquanto no diálogo político o presidente colecionava sucessos com o avanço do pacote de bondades, a falta de um comando mais claro para a comunicação da campanha era apontada como um dos principais problemas da equipe presidencial.

As redes sociais, por exemplo, seguem as orientações de Carlos, que nem sempre concorda com a equipe de marketing. Ele criticou publicamente o programa do partido para o horário eleitoral no rádio e na tevê, que adotou o slogan “Sem pandemia, sem corrupção, com Deus no coração, seremos uma grande nação”. “Vou continuar fazendo o meu aqui e dane-se esse papo de profissionais do marketing…. Meu Deus”, postou o vereador carioca no Twitter depois da exibição.

A imprensa profissional também encontrava dificuldades para apurar informações básicas da pré-campanha. Os acessos acabavam passando pela Casa Civil e pelo gabinete de Flávio, no Senado.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
WIDGET PACK - Sistema de comentários

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Mais lidas

Últimas