EUA Cadela é resgatada após não conseguir andar com 4 kg de pelos emaranhados

Por: Estado de Minas - Associados

Publicado em: 18/09/2019 09:58 Atualizado em: 18/09/2019 10:01

O antes e depois de Ellie Mae, da raça Shih Tzu, resgatada em condições degradantes. Foto: Reprodução/Twitter
O antes e depois de Ellie Mae, da raça Shih Tzu, resgatada em condições degradantes. Foto: Reprodução/Twitter
Uma cadela foi resgatada nos Estados Unidos com 4 kg de pelos emaranhados na casa de sua dona, que morreu. Pessoas foram limpar o local e encontraram Ellie Mae, da raça Shih Tzu, em condições degradantes. O bichinho não andava, carregava fezes nos pelos e as unhas tinham mais de 15 centímetros de comprimento. Além disso, a cadela pesava quase 5 kg, sendo 4 kg apenas do pelo emaranhado. 

A Nebraska Humane Society (NHS), entidade de proteção aos animais e responsável pelo resgate disse que os veterinários demoraram uma hora para remover os 4 kg de pelo de Ellie Mae. 

"Cortamos cuidadosamente os pelos sujos sem ter ideia do que encontraríamos por baixo. Nossa veterinária, Dra. Amber Horn, estava preocupada por não conseguirmos salvar as pernas dela",  publicou a entidade no Twiiter. No entanto, as pernas estavam rosadas pelo fluxo sanguíneo e após duas semanas,  Ellie se recuperou completamente.

"Depois que o trabalho foi feito, ela estava pronta para sair. Ela tropeçou um pouco, pois não caminhava há algum tempo. Agora, duas semanas depois, ela é mais forte, adora explorar e cumprimenta a todos com um rosto doce e um comportamento feliz. Você não saberia que ela era o mesmo cachorro de antes", emendou.




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas