Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Turismo

EM PORTO DE GALINHAS

Visit Pernambuco conclui 4ª edição com debates sobre turismo e seus desafios para 2023

Publicado em: 09/12/2022 11:36

Evento aconteceu no Convention Center do Armação Resort Porto de Galinhas  (Foto: José Ygor Lino )
Evento aconteceu no Convention Center do Armação Resort Porto de Galinhas (Foto: José Ygor Lino )
A programação da 4ª edição do Visit Pernambuco - América Latina, no Convention Center do Armação Resort Porto de Galinhas, em Ipojuca, seguiu nesta última quinta-feira (08). O evento apresentou os principais pontos turísticos do litoral ao sertão do estado e debateu o presente e o futuro de quem trabalha com o turismo, focando em desafios para 2023. Neste último dia, o Visit contou com o palestrante Fábio Holanda, gerente de vendas regional da Omnibees no Nordeste; além da palestra "XP Investimentos: o que esperar da economia em 2023?", com Robert Galdino e Cleiton Silva.

Abrindo a rodada, Fábio Holanda apresentou um painel com um histórico da rede hoteleira nos últimos anos e esplanou sobre perspectivas para o ano que se aproxima. "Temos conseguido nos manter líderes na América Latina na parte de distribuição, com mais de 500 colaboradores e 7 mil hotéis. As transações atingiram mais de R$ 15 bilhões este ano. E a projeção de crescimento das vendas é de mais de 85% em relação ao período pré-pandemia", disse o executivo da Omnibees, que atua em mais de 700 canais, auxiliano o setor hoteleiro a alavancar vendas a partir de mecanismos e gerenciamento. Ainda segundo Holanda, as vendas diretas devem fechar o ano de 2022 com alta de 358% comparada a 2019. A taxa de cancelamento deste ano também alcançou um bom resultado e atingiu a menor porcentagem dos últimos 3 anos (34,89%). "Essa é uma tendência que deve ficar para 2023, assim como o aumento da utilização de chat bots, conectando os viajantes às equipes de empreendimentos de forma mais rápida e prática", assegurou.

Dando sequência a programação, Robert Galdino, head corporate da XP Investimentos apresentou o painel "Cenário de Crédito e Macroeconômico", com perspectivas econômicas para 2023. Galdino se mostrou preocupado com o rumo do novo governo. "Se você tem um cenário sem previsibilidade do que vai acontecer, fica bem mais difícil tirar projetos do papel. Não saber quem fará parte da equipe econômica e nem a agenda fiscal a ser adotada é extremamente prejudicial para o mercado em geral", afirmou. Galdino ainda estimou um alta taxa de juros para o próximo ano. "Esperávamos que a taxa de juros fosse retrair para 10% em 2023. No entanto, considerando toda instabilidade, o mais provável é que a taxa feche o ano entre 13,75% e 14%", completou. 
 
 (Foto: José Ygor Lino )
Foto: José Ygor Lino
 
 
A programação ainda contou com o "Case Recife: Os 10 motivos porque Recife é para ficar", trazido por Mustafa Dias, secretário executivo de turismo do Recife; além do painel de fechamento "O turista da era pós pandemia e os desafios do mercado, moderado por Eduardo Tiburtius, presidente da AHPG. 





Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Manhã na Clube: entrevista com Carlos Veras, Laura Sabino e Tatiana Arruda
Manhã na Clube: entrevista com Erick Simões, desembargador do TJPE
Manhã na Clube: entrevista com Maria Arraes (Solidariedade), deputada federal
Van Gogh Live 8K: exposição chega ao Recife e encanta público
Grupo Diario de Pernambuco