Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Gastronomia

OLINDA

Fundador do Samburá, Cícero Pereira, completa 102 anos

Publicado em: 13/07/2023 13:04 | Atualizado em: 13/07/2023 13:42

Slogan do senhor Cícero, "construir é muito fácil, o difícil é conservar", expressa a dedicação de 70 anos ao Samburá (Romulo Chico/DP)
Slogan do senhor Cícero, "construir é muito fácil, o difícil é conservar", expressa a dedicação de 70 anos ao Samburá (Romulo Chico/DP)
O fundador do hotel e restaurante Samburá, em Bairro Novo, Olinda, o senhor José Francisco Pereira, conhecido por todos como "Cícero", completou 102 anos no dia 6 de julho. O fundador estava à frente do restaurante há quase sete décadas, e atualmente está aposentado da administração do Samburá, devido a problemas de saúde, mas sempre vai ao local para falar com funcionários e os atuais administradores a Tercilia Pereira, sua filha e o seu marido Moacir Júnior, genro do senhor Cícero.

O Samburá que completará 70 anos, em 20 setembro deste ano, tem o início de sua história de forma espontânea, onde a esposa de Cícero, Teresa Pereira, estava preparando o almoço para a sua família, em Bairro Novo, em Olinda, quando os primeiros clientes foram atraídos pelo bom cheiro de sua comida, feita com peixe.

“A história do Samburá começou por acaso, na época seu Cícero era pescador e fazia de tudo um pouco, logo quando chegou de Paudalho para Olinda, isso na década de cinquenta. Seu Cícero e sua esposa Teresa moravam numa caiçara, local onde hoje é o hotel. Em uma ocasião, um pessoal veio fazer um serviço de urbanismo aqui em Olinda, passaram na frente da calçada deles, enquanto a dona Teresa estava fazendo o almoço da família. E o pessoal foi atraído pelo cheiro e perguntou, ‘que comida cheirosa! A senhora vende?’”, descreveu Moacir Sales Júnior, que trabalha há 43 anos e é o atual gerente do Samburá. 

Moacir detalha que a dona Teresa hesitou momentaneamente em vender os almoços, porque era o almoço de sua família. Detalhou que na época, a família do senhor Cícero era muito simples, mas a sua esposa acabou vendendo. “O pessoal gostou tanto que falou, ‘tem problema a gente trazer um pessoal outro dia?’. A Teresa com aquele dinheiro que ela vendeu o almoço, pediu para um dos filhos comprar outros mantimentos para fazer o almoço da família e o do dia seguinte para os clientes. O pessoal veio, trouxe mais clientes e assim começou”, completou o gerente que assumiu o cargo há pouco mais de seis anos, devido a saúde do sogro. 

Vendo a oportunidade, o senhor Cícero começou a investir seu tempo e dedicação no restaurante. Com o tempo, nomeou o estabelecimento de Samburá, a origem do nome é devido a bolsa de pescados, carro chefe do restaurante. No entanto, devido a debilidade de saúde, o senhor Cícero se expressa com poucas palavras, mas faz questão de realizar uma visita no salão, fala com os funcionários e expressa felicidade em ver seu estabelecimento em funcionamento. No slogan, "construir é muito fácil, o difícil é conservar" criado pelo próprio fundador, expressa o quanto ele se dedicou ao Samburá e é feliz em manter o estabelecimento.

“A importância do Samburá é ver a felicidade do meu pai, foi algo que ele começou, conquistou e lutou junto com minha mãe que faleceu recentemente. O restaurante é a felicidade dele, ainda hoje ele é feliz em andar no estabelecimento, e vem aqui no restaurante, vem dar aquele passeiozinho e fica feliz em ver que ainda está funcionando e que está tudo em ordem, ele conversa com os funcionários e se lembra de alguns momentos. Então ver a felicidade dele para mim é tudo”, disse a filha Teciria Pereira, 58 anos, atual administradora do Samburá.

Atualmente o Samburá disponibiliza de espaço para festas e eventos, com capacidade para até 100 pessoas. Além do hotel com 63 apartamentos e 166 leitos. E no restaurante com serviço de café da manhã e almoço, com especialidade em frutos do mar e pescados. 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Embaixador Eduardo Saboia: Brasil e China obtêm safras de parceria em várias áreas
Conheca o Desbravador das relacoes diplomaticas entre o Brasil e a China
Consulado da RPCh no Recife tem nova cônsul-geral
Mergulho no Brasil é uma possibilidade para os turistas chineses
Grupo Diario de Pernambuco