Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

Show

No topo com os pés no chão

Thiaguinho se apresenta neste sábado e conta um pouco de sua atual fase, com 22 anos de carreira

Publicado em: 27/01/2024 13:49 | Atualizado em: 27/01/2024 14:04

 (Bruno Soares/ Divulgação )
Bruno Soares/ Divulgação

Pedro Cunha

Especial para o Diario 

  

Com 40 anos de vida e quase 22 anos de carreira, parece que o sucesso se renova com o mesmo vigor a cada novo projeto de Thiago André Barbosa, mais conhecido como Thiaguinho. Cantor, compositor e empresário bem-sucedido, ele construiu um patrimônio financeiro notável em negócios dentro e fora da música, conquistou o respeito do mercado e chegou ao topo. Tudo isso, como ele gosta de dizer, “sempre sem tirar os pés do chão”. 


“As conquistas que realizei na minha vida são incríveis, mas sempre estou buscando desafios. Quero explorar novas sonoridades e sempre levar nossa música cada vez a mais lugares porque acredito que o pagode, o samba e a música popular são essenciais para a cultura do nosso país”, diz Thiaguinho ao Diario


O cantor adianta que, para este ano, vai lançar o novo projeto audiovisual ‘Sorte’, com 17 músicas inéditas e uma regravação, além de participações especiais de Liniker, L7nnon, Billy SP e Imba Coral. O lançamento está previsto para abril, mas Thiaguinho promete apresentar algumas canções ao público neste sábado, na prévia De Bar em Bar, na área externa do Centro de Convenções. As músicas trazem uma leitura contemporânea com influências do R&B, afrobeat e do pagode. No show, ele também vai apostar nas canções da sua atual turnê, ‘Meu Nome é Thiago André’, que acumula nomeações em prêmios renomados como o Grammy Latino e o Prêmio Multishow. A apresentação contará com sucessos como ‘Deixa tudo como tá’, ‘Falta você’, ‘Tá vendo aquela lua’ e ‘Energia surreal’.

A mistura de talento e carisma do cantor, unida às belas composições com milhões de plays nas plataformas digitais, fizeram com que ele se tornasse uma das referências quando o assunto é música. Para Thiaguinho, sua jornada musical é repleta de momentos marcantes, desde seus dias no Exaltasamba, onde se firmou como um ícone do pagode brasileiro, até sua carreira solo, que já se estende por mais de uma década. “O Exaltasamba foi sim um marco, mas cada fase tem sua importância em nossas vidas. O momento solo também é muito especial e a jornada continua evoluindo”, conta.


Perguntado sobre o projeto ‘Tardezinha’, que rodou o Brasil com recordes de público, ele acredita que o sucesso está na energia que os shows transmitem, mas diz que dará uma pausa neste ano com a turnê. “A pausa em 2024 é para recarregar as energias. A volta do projeto ainda não está definida, mas vai ser muito especial quando acontecer. É contagiante ver a galera cantando junta suas músicas favoritas, mistura clássicos com pagode e samba em uma vibe única, isso acaba proporcionando uma experiência memorável”. 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Consulado da RPCh no Recife tem nova cônsul-geral
Mergulho no Brasil é uma possibilidade para os turistas chineses
Cenas da China aparecem em meio ao barroco brasileiro e intrigam pesquisadores
Ao vivo no Marco Zero 09/02 - Carnaval do Recife 2024
Grupo Diario de Pernambuco