Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

APRESENTAÇÃO

Triunfo retoma o Drama da Paixão de Cristo

Publicado em: 17/03/2023 08:13

 (Foto: Divulgação)
Foto: Divulgação
Um dos maiores espetáculos ao ar livre do Sertão pernambucano, a Paixão de Cristo em Triunfo será encenada novamente, após a paralisação de dois anos devido à pandemia. São mais de 50 participantes, entre atores e técnicos, envolvidos naquela que é considerada a segunda mais antiga do estado, ficando atrás apenas da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém.

Com adaptação de Teco de Agamenon, o Drama da Paixão será apresentado pelo Grupo de Teatro Nós em Cena, nos dias 6 e 7 de abril, às 19h, no espaço do parque Iaiá Gastão, conhecido como Via Verde, na região central da cidade, e é gratuito.

A cada ano, são feitas interferências contemporâneas na encenação sem deturpar a história original. As 13 cenas da atual montagem trazem os tumultos que a presença de Cristo causou ao redor do Templo sagrado, os atritos com os fariseus, a Última Ceia, a traição, prisão, julgamento, flagelação, Crucificação e Ressurreição. A estrutura cenográfica natural da Via Verde permite que o público acompanhe a peça ao ar livre, desfrutando da temperatura amena de Triunfo, que pode chegar aos 18 graus à noite, nesta época do ano.

“A nossa proposta é levar ao público a emoção de tudo o que Cristo sofreu, ressignificando o verdadeiro sentido de todas as dores vividas e de tudo o que Ele passou para salvar a humanidade do pecado”, afirma Bruno Alves, coordenador geral da Paixão de Cristo.

Além do viés artístico, o espetáculo tem um cunho social, pois o Grupo de Teatro Nós em Cena mobiliza a comunidade triunfense em oficinas preparatórias de teatro, dança e música. A intenção é aproveitar os artistas da própria cidade, valorizando-os e abrindo caminho para a revelação de talentos nas artes cênicas. A direção da montagem é compartilhada entre Teco de Agamenon, Renata Lima, Ranison Queiroz e Roberto Araújo.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Para Luciana Santos, reindustrialização brasileira necessita do apoio da China
Wellington Dias: Brasil coopera com a China para criar aliança global contra fome e pobreza no G20
Embaixador Eduardo Saboia: Brasil e China obtêm safras de parceria em várias áreas
Conheca o Desbravador das relacoes diplomaticas entre o Brasil e a China
Grupo Diario de Pernambuco