Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

SÉRIES

Séries como 'The last of us' e 'Succession' estão entre as mais aguardadas do ano

Publicado em: 09/01/2023 09:41

 (Foto: HBO Max/ Divulgação)
Foto: HBO Max/ Divulgação
Cada vez mais consolidadas por conta do mundo do streaming, as séries estão ganhando grandes orçamentos e apostando em histórias maiores e importantes. A popularidade do streaming aumentou muito e os grandes atores não estão mais só em Hollywood, aparecem cada vez mais na telinhas. Em 2023, algumas das maiores estrelas da atualidade estarão em histórias impactantes e muito aguarddaas pelos fãs nas mais diversas plataformas disponíveis.

A começar pela série mais falada deste início de ano: The last of us. Baseada em um dos jogos mais aclamados pelo público e crítica na história dos games, a narrativa acompanha Joel (Pedro Pascal) em uma jornada pelos Estados Unidos pós-apocalipse, em que um fungo transformou grande parte da população em monstros, que se alimentam de outros humanos. O protagonista precisa levar a menina Ellie (Bella Ramsay) para o outro lado do país. A série estreia dia 15 e chega tendo uma base de fãs intensa do jogo, além de ser uma forte aposta da HBO Max para premiações.

Entre as séries premiadas da HBO Max, outro destaque é Succession. O seriado tem ganhado tudo que concorre com a história da família Roy, uma das mais ricas do meio de comunicação do mundo, que precisa decidir quem herdará o legado deixado pelo pai idoso Logan (Brian Cox). Essa é mais uma estreia forte da plataforma em 2023, com uma quarta temporada, que promete muito por conta de um final de tirar o fôlego da antecessora. A nova temporada chega entre março e junho.

Ainda na HBO, uma terceira produção chama a atenção. The idol, de Sam Levinson, mesmo criador da bem-sucedida Euphoria, chega mostrando o lado podre da fama e de Hollywood, além de uma história ainda misteriosa. O elenco é uma interessante mistura entre músicos, atores jovens e medalhões do mundo da tevê. A história é protagonizada por Abel Tesfaye, o The Weeknd, e Lily-Rose Depp, filha de Johnny Depp, e conta com nomes como Troye Sivan, Moses Sumney e a estrela do k-pop Jennie Kim, do grupo BLACKPINK, além dos já consagrado Dan Levy, Mike Dean, Jane Adams, Hank Azaria e Anne Heche, morta em decorrência de ferimentos em um acidente de carro. É certeza que a série estreará em 2023, ainda sem data fechada.

A Disney+ também vem forte neste novo ano. Duas franquias dão muito poder ao streaming, Star Wars e Marvel. A saga da guerra nas estrelas terá um ano muito movimentado, principalmente pela estreia da terceira temporada da aclamada The Mandalorian, que conta história do caçador de recompensas, que se envolve em uma conspiração muito maior que esperava, após se afeiçoar por uma criança jedi da mesma raça do mestre Yoda. Além do sucesso, a personagem Ahsoka Tano ganha a primeira temporada em live-action. A única padawan de Anakin só apareceu nas animações de Star Wars e agora será interpretada por Rosario Dawson em uma trama solo. Por fim, um grupo de crianças se perde no espaço no seriado original Skeleton crew. Apenas Mandalorian tem data para estrear, no dia 1º de março.

Na Marvel três séries se destacam. A mais esperada talvez seja Invasão secret,a que, com um tom de espionagem, acompanha a volta de Nick Fury (Samuel L. Jackson) à Terra, após rumores de que os Skrulls estão se passando por humanos e trazendo problemas que podem colocar em risco o futuro planeta. As outras duas são de personagens apresentados em séries que estrearam na Disney . Agatha: House of Harkness, acompanha a feiticeira Agatha Harkness (Kathryn Hahn), responsável por criar um mundo ideal na cabeça na cabeça de Wanda Maximoff (Elizabeth Olsen), após a catástrofe ocorrida em WandaVision.

Eco segue Maya Lopez (Alaqua Cox), a anti-heroína surda de Nova York, capaz de mimetizar movimentos de luta que busca vingança, após ter sido enganada a vida toda pela máfia do Rei do Crime (Vincent D'Onofrio). Charlie Cox, o Demolidor da televisão, volta ao papel no seriado. Nenhuma produção conta com data de estreia e a segunda temporada de Loki, o Deus da Mentira, da Marvel, pode pintar também.

Outra série que sai diretamente das páginas, mas sem o super-heroísmos dos quadrinhos, Daisy Jones & the six é uma das histórias que o público mais esperava a adaptação. Fruto do best-seller de Taylor Jenkins Reid, o seriado conta a história da ascensão de uma banda de rock nos anos 1970 e, apesar de ser uma ficção, faz referência a histórias reais. Riley Keough será protagonista e personagem título, Sebastian Chacon, Sam Clafin, Camila Morrone, Suki Waterhouse são outros destaques do elenco. O seriado chega em março na Amazon Prime Video, mesma plataforma que estreia a segunda temporada de Hunters, série em que Al Pacino e Logan Lerman lutam contra o neonazismo, na sexta-feira.

A gigante do streaming, Netflix, acaba de estrear A vida mentirosa dos adultos, narrativa importante sobre amadurecimento da mulher, escrita pela misteriosa Elena Ferrante que mostra a transição da infância para adolescência de Giovanna (Giordana Marengo) em Napoles, na Itália, nos anos 1990. E ainda guarda em segredo a data do retorno do sucesso The Umbrella Academy. Os fãs tem esperança de novidades de Sandman e Wandinha, apesar de novas temporadas serem muito improváveis.

Ainda na Netflix, duas histórias muito famosas serão revividas. A primeira é Avatar: o último mestre do ar. Conhecida como uma animação de muito sucesso, agora a produção será com pessoas reais e há muito expectativa, visto que a última vez que foi adaptada foi no fracasso cinematográfico absoluto de O último mestre do ar (2010). Outro retono vem por meio de The 90's show, série que continua o sucesso de audiência The 70's show. Nela, os filhos dos casais formada na série que se passa nos anos 1970, visitam, 20 anos depois, a casa onde tudo se passou. Espera-se o retorno de todos os atores do original, inclusive os superastros Ashton Kutcher e Mila Kunis.

Outra plataforma que tem uma estreia grande nesta semana é a Apple TV , que traz a quarta temporada do suspense do diretor M.Night Shyamalan, Servant. A plataforma ainda promete o retorno do técnico de futebol norte-americano mais famoso da televisão, com Ted Lasso retornando em março para o terceiro ano e a continuação do sucesso Ruptura, que promete segunda temporada.

A mais jovem no Brasil, Paramount promete duas estreias de muita potência para o novo ano. A história real dos ícones do country estadunidense Tammy Wynette e George Jones é contada na minissérie George & Tammy. E uma história de amor por post-its, de dois locatários do mesmo apartamento sai dos livros para o seriado em The flatshare, narrativa conhecida no Brasil como Teto para dois da escritora Beth O'Leary. Ambas ainda sem data de estreia.

Filhote da Disney, a Star promete a segunda temporada de duas séries. O sucesso de cozinha, comédia e tensão O urso, já está gravando novos episódios e pode pintar, enquanto o spin-off de How I met your mother, How I met your father, ganha sequência. Também é esperado mais um mistério cômico de Steve Martin, Martin Short e Selena Gomez, na terceira temporada de Only murders in the building, o único podcast de crimes reais para o público rir. Todos sem lançamento marcado.

Os spin-offs, séries derivadas de outras histórias sejam seriadas ou cinematográficas, são uma aposta forte para 2023. Além de Eco e Agatha: House of Harkness e a segunda temporada de How I met your father, ainda são esperadas: The walking dead: dead city, história paralela de da série de zumbis com Negan (Jeffrey Dean Morgan) e Maggie (Lauren Cohan); The continental, baseada no grupo de assassinos dos filmes do mercenário John Wick; e Gen V, situada no mesmo universo de The Boys em uma universidade para jovens heróis e com a presença do ator brasileiro Marcos Pigossi. A primeira na Star , as outras na Prime Video.

Sobre o Brasil, a Globo e o Globoplay prometem uma série de atrações interessantes. Com novos episódios de Segunda chamada, Aruanas, Cine Holliúdy, Rensga Hits e Encantados. Além de Justiça 2, a chegada de Todas as flores à televisão aberta, e a estreia da Vai na fé, no horário das 19h, e Terra Vermelha, uma nova novela das 21h.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Van Gogh Live 8K: exposição chega ao Recife e encanta público
Manhã na Clube: entrevista com Rodrigo Coutinho, secretário de esportes do Recife
Manhã na Clube: entrevista com Priscila Lapa, cientista política
Manhã na Clube: entrevista com Everaldo Silva e  Ney Araújo
Grupo Diario de Pernambuco