Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

CINEMA

Alec Baldwin é acusado de homicídio involuntário por disparo em set

Publicado em: 19/01/2023 15:19

O ator e a responsável pelas armas, Hannah Gutierrez Reed, foram acusados pela morte da diretora de fotografia Halyna Hutchins (Crédito: Angela Weiss/AFP)
O ator e a responsável pelas armas, Hannah Gutierrez Reed, foram acusados pela morte da diretora de fotografia Halyna Hutchins (Crédito: Angela Weiss/AFP)
O ator Alec Baldwin e Hannah Gutierrez Reed, responsável pelo armamento utilizado nas gravações do filme Rust, em 2021, foram acusados de homicídio involuntário. O artista disparou uma arma durante as gravações do longa e a bala atingiu a diretora de fotografia, Halyna Hutchins, que morreu, e Joel Souza, diretor, que ficou ferido e foi levado ao hospital. Souza teve alta um dia após o acidente.

O anúncio das acusações aconteceu nesta quinta-feira (19) pela promotora de justiça de Santa Fé, Novo México, Mary Carmack-Altwies. "Depois de uma análise minuciosa das evidências e das leis do estado do Novo México, determinei que há evidências suficientes para apresentar acusações criminais contra Alec Baldwin e outros membros da equipe de filmagem de Rust", disse, em nota.

A diretora de fotografia morreu no dia 21 de outubro de 2021 no set de filmagem. Baldwin estava apontando uma arma para Hutchins quando a arma disparou. O xerife de Santa Fé, Adan Mendoza, que liderou a investigação inicial sobre o caso, descreveu como “um certo descaso”.

Alec Baldwin, conhecido por filmes como A caçada ao Outubro Vermelho e Os infiltrados, afirma que não sabia que a arma estava carregada com munições reais. “Alguém é responsável pelo que aconteceu, e não posso dizer quem é, mas não sou eu”, disse, em uma entrevista da ABC com George Stephanopoulos.

O departamento de investigação médica do Novo México, após a conclusão de uma autópsia e uma revisão dos relatórios, determinou que o disparo foi acidental.

O departamento de saúde e segurança do Novo México cobrou uma multa de US$ 137 mil (o equivalente a cerca de R$ 715.140) para a Rust movie productions. Segundo o departamento, houve falha de segurança e os gerentes de produção não seguiram o protocolo padrão da indústria cinematográfica para a segurança de armas de fogo no set.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Van Gogh Live 8K: exposição chega ao Recife e encanta público
Manhã na Clube: entrevista com Rodrigo Coutinho, secretário de esportes do Recife
Manhã na Clube: entrevista com Priscila Lapa, cientista política
Manhã na Clube: entrevista com Everaldo Silva e  Ney Araújo
Grupo Diario de Pernambuco