Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

CELEBRIDADES

Mario Frias critica Ivete Sangalo após cantora incentivar gritos contra Bolsonaro

Publicado em: 01/01/2022 16:00 | Atualizado em: 01/01/2022 16:07

Por meio de suas redes sociais, o secretário chegou a dizer que Ivete é "escrava dos caprichos da elite artística arrogante" (Foto: Roberto Castro-MTur / Rafa Mattei-Divulgação Multishow / Montagem)
Por meio de suas redes sociais, o secretário chegou a dizer que Ivete é "escrava dos caprichos da elite artística arrogante" (Foto: Roberto Castro-MTur / Rafa Mattei-Divulgação Multishow / Montagem)
Após a cantora Ivete Sangalo dizer em show para que fãs que cantavam “Ei, Bolsonaro, vai tomar no c*” gritassem mais alto, Mario Frias - que desde de junho de 2020 comanda a Secretaria Especial da Cultura, do governo de Jair Bolsonaro - decidiu criticar a atitude da artista. 

Em seu Twitter, Mario Frias chamou Ivete de "animadora de militante esquerdista" e disse que ela "é escrava dos caprichos da elite artística arrogante".

O show em questão aconteceu no Rio Grande do Norte no dia 29 de dezembro e após o público cantar: "Ei, Bolsonaro, vai tomar no c*, Ivete retrucou "Não ouvi". Em seguida ela chegou a incentivar que eles cantassem mais alto: "Tá baixinho". A cantora também pulou e dançou no palco dizendo "(Ele) Vai acabar escutando de tão alto que foi". Ela foi aplaudida por fãs.

Entretanto, apoiadores do presidente criticaram o posicionamento da artista subindo a tag #IveteVaiTomarNoCool, que chegou a ficar em quarto lugar nos Trending Topics do Twitter.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Supervacinada: Rafaela inaugura a fase da imunização de crianças contra a Covid no Recife
ONG acusa Bolsonaro de ameaçar a democracia no Brasil
Primeiro lote de vacinas pediátricas chega ao Brasil
Manhã na Clube: entrevista com a psicóloga Renata Sales
Grupo Diario de Pernambuco