Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

DOR E TRISTEZA

Velório de Marília Mendonça ocorrerá em Goiânia na manhã deste sábado (6/11)

Publicado em: 05/11/2021 22:04 | Atualizado em: 05/11/2021 22:12

 

Cantora de 26 anos morreu em um acidente de avião em Minas Gerais (Reprodução/Instagram)
Cantora de 26 anos morreu em um acidente de avião em Minas Gerais (Reprodução/Instagram)

O velório de Marília Mendonça ocorrerá neste sábado (6/11) em Goiânia. O evento será aberto ao público, e a expectativa é que cerca de 100 mil pessoas passem pela Goiânia Arena (Ginásio Valério Luiz de Oliveira), ao lado do Estádio Serra Dourada.

 

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, confirmou a informação pelo Twitter. “Goianos vão poder prestar linda homenagem. Peço calma e respeito à sinalização para que todos possam dar o seu adeus”, escreveu.

 

 

Marília nasceu em Cristianópolis, município goiano de pouco mais de 3 mil habitantes. A cantora sempre teve um público fiel no estado. Em setembro de 2018, Marília fez um show gratuito na Praça Cívica, em Goiânia, onde gravou o vídeo para a música Bem Pior Que Eu, que conta com mais de meio bilhão de visualizações no YouTube. O governador de Goiás decretou luto de três dias no estado, a partir desta sexta-feira (5/11), em respeito à morte da cantora goiana, Marília Mendonça

 

 Morte trágica 

 

Marília Mendonça morreu aos 26 anos após o avião em que fazia viagem caiu na cidade de Piedade de Caratinga, Minas Gerais. A cantora realizaria shows em Caratinga e Ouro Branco neste final de semana. Além de Marília, também estavam no avião o assessor e tio da cantora, Abicieli Silveira, o produtor Henrique Ribeiro, o piloto e o co-piloto. 

 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Bruno Becker, da chapa Náutico Sustentável, divulga projetos para o Timbu
Unicap continua com as inscrições abertas para Vestibular 2022
Manhã na Clube: entrevista com o deputado estadual Romero Sales Filho (PTB)
Variante ômicron representa risco elevado para o planeta
Grupo Diario de Pernambuco