Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

ASSÉDIO

Por oito horas, Dani Calabresa e Melhem ficam frente a frente em audiência

Publicado em: 25/11/2021 16:16

 (crédito: GNT/Divulgação - Facebook/Reprodução)
crédito: GNT/Divulgação - Facebook/Reprodução
Há quase um ano, em 4 de dezembro de 2020, uma reportagem revelou cenas de assédio do humorista e diretor Marcius Melhem contra a comediante Dani Calabresa. Nesta semana, os dois ficaram frente a frente por oito horas em uma audiência judicial para tratar do assunto. No entanto, o réu da ação não é Melhem, e sim a atriz. As informações são da Folha de S. Paulo.

A audiência faz parte do processo de danos morais que Melhem moveu contra a ex-colega de trabalho para conquistar uma indenização, no valor de R$ 200 mil, por Calabresa ter denunciado o roteirista à direção da Globo por assediá-la enquanto ele era o diretor do humorístico Zorra, em 2017, além de processá-lo judicialmente.

O advogado do homem apresentou, como defesa, supostos áudios trocados entre Dani e Marcius, que, segundo ele, “mostrava intimidade entre eles” na época das acusações. O ator também pede o ressarcimento do custo que teve com tratamento psicoterápico, no valor de R$ 46,4 mil. Caso vença a ação, ele afirma que irá doar o valor à Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD).

A sessão virtual contou com os depoimentos de atores, atrizes, diretores, roteiristas e outros profissionais envolvidos na produção dos programas em que Melhem e Calabresa estavam envolvidos. Eles se dividiram entre testemunhas de defesa e acusação. Os dois interessados assistiram as declarações, mas não se dirijam a nenhum depoente. Eles também não conversaram ou trocaram declarações um com o outro.

Apesar do processo de Melhem, Calabresa não foi a única que denunciou o assédio de Melhem: pelo menos outras sete mulheres prestaram depoimento ao Ministério Público do Rio de Janeiro contra o homem. No entanto, ela foi a primeira a fazer a denúncia no setor de compliance da Globo e, por isso, o ator entende que Dani é responsável pelos “danos sofridos”.

A reportagem descrevia detalhes violentos de uma aproximação forçada de Melhem em Dani Calabresa, durante uma festa de confraternização do elenco do Zorra. Ele teria forçado beijos, usado de força para imobilizá-la e colocado o pênis para fora da calça. Dias depois, Melhem apareceu no estúdio em que Dani gravava uma cena e falou sobre o momento. “Eu não tenho culpa do que aconteceu! Quem mandou você estar muito gostosa?”, declarou.

Na época da publicação da reportagem, Dani veio a público dizer que “nunca quis ser vista como uma mulher assediada”, mas “pra recuperar minha saúde precisei me defender”. Ela também disse que nunca procurou a imprensa, mas tomou as medidas cabíveis para conseguir ajuda.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Bruno Becker, da chapa Náutico Sustentável, divulga projetos para o Timbu
Unicap continua com as inscrições abertas para Vestibular 2022
Manhã na Clube: entrevista com o deputado estadual Romero Sales Filho (PTB)
Variante ômicron representa risco elevado para o planeta
Grupo Diario de Pernambuco