Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

TRAGÉDIA EM MG

Corpos de Marília Mendonça e demais vítimas serão liberados até meia-noite

Publicado em: 05/11/2021 22:29


Três médicos legistas estão trabalhando para concluir os exames e liberar os corpos para as funerárias (Tim Filho/EM/D.A Press)
Três médicos legistas estão trabalhando para concluir os exames e liberar os corpos para as funerárias (Tim Filho/EM/D.A Press)
 
O delegado Regional de Polícia Civil de Caratinga, Ivan Sales, afirmou que uma força-tarefa será feita para que haja a liberação dos cinco corpos que estavam no avião que matou a cantora Marília Mendonça, de 26 anos, em Piedade de Caratinga, no Vale do Rio Doce.

Estamos prestando um serviço para liberarmos os corpos até esta madrugada para que as famílias façam sepultamento. Os trabalhos de necropsias já foram iniciados e estão em andamento. Tudo será feito com muito cuidado e sob sigilo. Depois disso, eles serão encaminhados para as funerárias”, afirmou o delegado, durante entrevista coletiva em Caratinga, na noite desta sexta-feira (5/11).

Os advogados da família de Marília Mendonça vieram de Goiânia e pousaram em Governador Valadares na noite desta sexta-feira (5/11).

 (Arte/EM/D.A press)
Arte/EM/D.A press
 
Três médicos legistas estão trabalhando para concluir os exames e liberar os corpos para as funerárias. A previsão é de que neste sábado (6/11) os corpos sejam liberados para os sepultamentos.
 
O delegado afirma que ainda é cedo para apontar as causas da tragédia: “A perícia compareceu a o local e fez os trabalhos. Amanhã continuam os trabalhos. Cabe à Polícia Civil acionar a Cenipa para saber as causas do acidente”.

"Um traumatismo por queda de avião é aquele que tem energias cinéticas vindo de diversos lados e de muita intensidade, atingindo as regiões letais do corpo, como abdomem, tórax, cabeça e pescoço. Os membros não são tão vitais. Os ocupantes têm lesões contundentes. É difícil determinar uma causa ou um evento letal de cada óbito. São diversos fatores que contribuem para a morte deles. É um politraumatismo craniano", afirmou o médico-legista Pedro Fernandes, com exclusividade ao Estado de Minas.

Durante a necropsia, foram recolhidos materiais que serão enviados ao Instituto Médico-Legal (IML) de Belo Horizonte para análises mais profundas. Segundo o médico legista Pedro Fernandes, os corpos apresentam fraturas múltiplas.

Ivan Salles descartou hipóteses referentes ao acidente aéreo: "Infelizmente, existem pessoas maldosas, que estão passando informações inverídicas, porque ficam entusiasmadas com o fato de Marília Mendonça ser uma pessoa famosa".
 
 (Arte/EM/D.A press)
Arte/EM/D.A press
 

  
  

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Erupção de vulcão na ilha de Java deixou 34 mortos
Manhã na Clube: entrevistas com Teresa Leitão (PT/PE), Almir Mattias e Renata Berenguer
Laboratório anuncia teste para diferenciar o coronavírus da gripe A e B
Manhã na Clube: entrevistas com Alberto Feitosa (PSC), Márcia Horowitz e Andreia Rodrigues
Grupo Diario de Pernambuco