Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

FILME

Produzido por Jay-Z, faroeste com elenco totalmente negro abre Festival de Londres

Por: AFP

Publicado em: 07/10/2021 08:40

O longa 'The Harder They Fall" está previsto para chegar ao catálogo da Netflix em novembro (Foto: Netflix/Divulgação)
O longa 'The Harder They Fall" está previsto para chegar ao catálogo da Netflix em novembro (Foto: Netflix/Divulgação)
Com Idris Elba à frente de um elenco impressionante e com o rapper Jay-Z como produtor, o western The Harder They Fall abriu em grande estilo o Festival de Cinema de Londres na noite desta quarta-feira (6). O filme, estreia do londrino Jeymes Samuel na direção, conta exclusivamente com atores negros, que interpretam personagens históricos e reais do Velho Oeste em uma trama fictícia.
 
Samuel, que também é coprodutor e corroteirista do filme, não deixou outra opção a Idris Elba - um velho amigo - do que interpretar Rufus Buck, um fugitivo muito violento e temido na época. "Crescemos juntos fazendo coisas bobas e agora estamos fazendo um western", brincou o ator britânico, de 49 anos, durante coletiva de imprensa prévia à projeção.
 
O diretor, de 42 anos, que também é escritor, compositor, intérprete e produtor musical sob o nome artístico The Bullitts, já tinha trabalhado com Jay-Z na trilha sonora do filme O Grande Gatsby e nesta quarta-feira comemorou poder voltar a fazê-lo. "O que é muito interessante é que ele é muito cinéfilo", disse Samuel sobre o famoso rapper. "Quando as pessoas pensam no nome de Jay-Z, pensam automaticamente em música, mas ele tem um grande conhecimento sobre os westerns e o cinema em geral”.
 
Nova visão sobre o western
Samuel presume ter reunido em The Harder They Fall um "casting dos sonhos", com a atriz e diretora Regina King no papel da companheira de Buck: a "traidora" Trudy Smith, e Jonathan Majors no de Nat Love, seu rival fugitivo. Lakeith Stanfield, Zazie Beetz e Edi Gathegi também aparecem nesta ficção, ambientada no Texas.
 
O diretor, que cresceu assistindo a westerns na televisão britânica, disse que "o gênero sempre me pareceu sedutor", mas quis "fazer algo a mais", tornando-o mais inclusivo. "O universo no qual ocorriam essas histórias era muito estreito, as mulheres sempre apareciam submissas", explicou Samuel, lembrando que nestes westerns "se você fosse uma pessoa de cor, parecia menos humano". 
 
Além das três exibições no Festival de Londres e em outras salas americanas, The Harder They Fall será lançado em 3 de novembro na Netflix.
 
Segundo o coprodutor James Lassiter, que precisou convencer o diretor a fazer esta aposta, a plataforma de streaming é "o lugar certo" para exibir o filme, já que "o objetivo, se queremos explicar uma história como esta, com esta seleção de atores, é que o maior número de pessoas tenha acesso a ela".
 
"Quando um filme sai nos cinemas, há preconceitos integrados, como o de que ninguém vai assisti-lo com um casting só de negros", argumenta Lassiter.
 
"É evidente que há um racismo sistêmico na nossa sociedade, que levará tempo para desaparecer totalmente", admitiu Idriss Elba, destacando que "a pandemia mostrou que todos somos humanos e que essa coisa de raça é bastante estúpida".
 
A 65ª edição da mostra será encerrada com a exibição de A Tragédia de Macbeth, de Joel Cohen, com a oscarizada Frances McDormand no papel de Lady McBeth.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Destaque do Náutico, meia Jean Carlos completa 100 jogos com a camisa alvirrubra
Baixas na equipe de Guedes
Trump anuncia planos para lançar nova rede social
Manhã na Clube: entrevistas com Teresa Leitão (PT), Fernandes Arteiro e José Teles
Grupo Diario de Pernambuco