Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

POSICIONAMENTO

Viúva de Paulinho, do Roupa Nova, esclarece que não está grávida

Publicado em: 11/09/2021 09:59

 (Foto: Reprodução/Instagram
)
Foto: Reprodução/Instagram
Após pipocarem notícias sobre uma gravidez do músico Paulinho, do Roupa Nova (que morreu após complicações causadas pela Covid-19), Elaine Soares esclareceu que a maternidade não é verdadeira. A mulher concedeu uma entrevista à Revista Quem.

"Em momento algum falei que estou grávida. Fui procurar um médico onde os espermatozoides estão congelados e ele me disse que eu poderia começar os exames na hora que eu quisesse. Mas eu não estou em estado emocional para começar a fazer exame. Esse é um sonho que eu tinha, dar continuidade à vida dele, a vida do único homem que amei na minha vida”, pontuou.

A confusão ocorreu porque Elaine postou uma foto de uma mulher grávida, com a frase "esse é o maior presente de aniversário para nós dois". O aniversário de Paulinho seria neste 6 de setembro.

Elaine, contudo, não descartou um processo para iniciar a gravidez, já que tem material genético de Paulinho: “Eu tenho os espermatozoides dele congelados porque em 2009 pensamos em ter um filho. Eles estão guardados e congelados e só eu tenho autorização de usá-los na hora em que eu quiser, mas como estou sofrendo um luto muito grande e seis de setembro foi o aniversário dele, eu postei uma barriga, que não era a minha, e disse que o meu sonho era dar continuidade porque eu ia ter um pedacinho dele em mim. A sensação que eu tinha é que tinham arrancado um pedaço de mim. Estou num luto constante e ainda estou me tratando por causa deste luto".

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
As mães em plena pandemia: casal paulista adota cinco irmãos de Serra Talhada
Bolsonaro aumenta IOF para custear novo Bolsa Família
Surto de Covid-19 obriga Presidente da Rússia a ficar em isolamento
Manhã na Clube: entrevistas com o deputado Eduardo da Fonte (PP), Elias Paim e Diego Martins
Grupo Diario de Pernambuco