Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

PÚBLICO

Especialização em gestão pública e inovação da Fundaj têm início em 6 de setembro

Publicado em: 31/08/2021 14:49 | Atualizado em: 31/08/2021 14:50

 (Foto: Divulgação)
Foto: Divulgação

Promovidas pela Diretoria de Formação Profissional e Inovação (Difor), da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), as aulas da Especialização em Gestão Pública e Inovação têm início em 6 de setembro, às 18h. A formação vai ocorrer de forma remota, por meio das ferramentas Google Meet e Google Classroom, em virtude da pandemia. A capacitação tem carga horária total de 390 horas/aula, com 13 disciplinas de 30 horas cada.

De acordo com a coordenadora de Atividades de Cursos de Pós-Graduação da Difor, Cláudia Verardi, o curso tem como objetivo formar profissionais atuantes na esfera governamental com uma visão crítica, sistêmica e integrada para desenvolver soluções eficazes e inovadoras. "Para isso, a formação visa proporcionar aos discentes conceitos teóricos e práticos sobre a gestão pública contemporânea, contribuir para a implementação de uma cultura de gestão pública inovadora, sustentável, democrática e empreendedora", explicou Cláudia.

As disciplinas são direcionadas para economia, direito digital e políticas públicas, e serão ministradas por professores selecionados pelo Edital nº 01/2021 DIFOR/FUNDAJ. As disciplinas são Cidadania, sociedade e ética; Estrutura e organização do estado no Brasil; Estado e políticas públicas: realidade nacional e comparada; Metodologia do trabalho científico; Gestão pública: uma análise histórica; Gestão pública contemporânea; Gestão de pessoas, cultura e mudança organizacional; Economia, orçamento e finanças no setor público; Gestão de ideias para inovação; Direito digital na gestão pública; Inovação e responsabilidade socioambiental; Sistemas e tecnologias na gestão pública; e Práticas de formação complementar.

Os 50 alunos foram selecionados após análise de documentos, pré-projetos e entrevistas. "Queremos ajudar a desenvolver ideias inovadoras para maior eficiência na gestão pública e conhecimentos das novas tecnologias de informação para a identificac%u0327a%u0303o de potencialidades de inovação na gestão pública, que são os objetivos específicos do Curso", completou Verardi.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Após erupção do vulcão Cumbre Vieja, especialistas temem gases tóxicos
Manhã na Clube: Lucas Ramos (Sec. de Ciência e Inovação de Pernambuco) e dr. Catarina Ventura
Na ONU, Bolsonaro diz ser contra passaporte sanitário
Manhã na Clube: Augusto Coutinho, Laurice Siqueira, Frederico Preuss Duarte e Kaio Maniçoba
Grupo Diario de Pernambuco