Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

LANÇAMENTO

Gangga Barreto estreia projeto e lança lyric vídeo do single Memeu

Publicado em: 05/04/2021 20:46 | Atualizado em: 05/04/2021 21:00

Memeu marca a estreia de Esperançar, segundo álbum da olindense (Foto: YTALLO BARRETO/DIVULGAÇÃO)
Memeu marca a estreia de Esperançar, segundo álbum da olindense (Foto: YTALLO BARRETO/DIVULGAÇÃO)
A artista pernambucana Gangga Barreto lançou, em seu canal do YouTube, lyric vídeo do single Memeu. Entre idas e vindas do pescador que dá nome à faixa, a canção narra o momento de intimidade da personagem com o mar e sua deidade africana guardiã: Iemanjá. Com toques de ijexá, a produção é de Jadson Bactéria (ex-Mundo Livre S/A), que co-assina os arranjos com a artista. Memeu marca a estreia de Esperançar, segundo álbum da olindense que será lançado faixa a faixa ao longo do ano. No novo projeto, Gangga promete entregar toda a versatilidade de sua carreira em composições dançantes e muita pernambucanidade.

Assim, o pescador abre os caminhos em uma canção que reúne elementos consagrados pelo imaginário coletivo e conduz o espectador a uma interação com a natureza e sua sacralidade. São as flores entregues para a rainha do mar, enquanto as águas levam embora a mágoa que pairou no peito vítima das dores de um amor perdido. O lançamento conta lyric vídeo assinado pelo artista visual Matheus Xavier. Fortemente iconográfico, o clipe exibe uma autêntica produção audiovisual latinoamericana. São fotografias de pescadores recortadas digitalmente, esculturas, azulejos, flores e tantos outros símbolos da pesca e de Olinda.  

Conhecida pela trajetória musical ao lado de artistas como Lia de Itamaracá e a banda belga Think Of One, foi só em 2019 que Gangga lançou seu debut Clarins.  Em Esperançar, ela anuncia um novo tempo, fala de semeadura e cultivo como alavancas para o florescimento de dias melhores. “É preciso ter esperança. Mas esperança do verbo esperançar. Porque tem gente que tem esperança do verbo esperar. Esperança do verbo esperar não é esperança, é espera”, sentencia a artista. “Precisamos recusar aquilo que apodrece a nossa capacidade, a nossa integridade e a nossa fé ativa nas obras. Esperança é olhar e reagir àquilo que parece não ter saída”, conclui Gangga.

Confira o lyric vídeo
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Em Cúpula do Clima, Bolsonaro promete neutralidade de carbono até 2050
Manhã na Clube com Rhaldney Santos - 22/04
Após polêmicas, Superliga Europeia é suspensa
Família Floyd volta a respirar: policial é condenado pela morte de homem negro
Grupo Diario de Pernambuco