Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

MÚSICA

Reality show do trap nacional terá pernambucano NexoAnexo

Publicado em: 09/10/2020 14:31 | Atualizado em: 09/10/2020 14:44

NexoAnexo tem 23 anos e investe no trap desde 2016 (Foto: Gilberto Lucas (@lokenhc)/Divulgação)
NexoAnexo tem 23 anos e investe no trap desde 2016 (Foto: Gilberto Lucas (@lokenhc)/Divulgação)

Um dos pioneiros da música trap em Pernambuco, NexoAnexo representará o estado no primeiro reality show voltado para a cena trap brasileira. O Real Trap BR será realizado em um casa na Praia de Ferradura, em Búzios, no Rio de Janeiro, a partir do dia 3 de novembro deste ano. Cerca de 17 participantes serão confinados durante um mês, com duas provas musicais por semana. Eles serão julgados em quesitos técnicos pré-definidos pelo apresentador (ainda não divulgado), com votação de dois jurados e público, mas sem eliminações. A transmissão será realizada no canal Wanted In, no YouTube.

O prêmio inicial é de R$ 10 mil, mas o público terá a opção de contribuir com a premiação através de QR Codes disponibilizado durante lives diárias. Além de NexoAnexo, o time que compõe o reality é composto por Aka Rasta (PR), Bril Martins (RJ), Dreyhan (SP), Major RD (RJ), Hyperanhas (SP), Dona Onça (MG), Lis MC (RJ), PTK (ES), Leal (SP), Doiston (CE), Brilho no Corre (SC), Ramalho (SP), Quirino (BA), Makonnen Tafari (BA), LK o Marroquino (SP) e Og Capitu (MG).

Localizada no alto de um morro, a casa do reality terá um estúdio musical funcionando durante 24 horas, além de cinco suítes (com cinco camas cada), piscina, sauna, hidromassagem, churrasqueira e terreno amplo. A organização do programa é de Ber, líder do grupo Cartel MCs (RJ), com a marca de roupas Wanted. No final do reality, será lançada uma mixtape com conteúdos gravados durante o programa.

Gabriel Marques (nome de batismo de NexoAnexo) tem 23 anos e mora no bairro de Jardim São Paulo, na Zona Oeste do Recife. Ele iniciou a carreira em 2016 e já lançou mixtapes e álbuns como Real Plug (2018), Trap de cria (2019) e Trap from future (2020). "Eu fiquei bem surpreso quando entraram em contato comigo. Era apenas uma sondagem, mas eu disse que poderia colocar meu nome, já que esse tipo de oportunidade é meio rara de acontecer, principalmente aqui", conta NexoAnexo.


"Será uma oportunidade incrível para mostrar o nosso trabalho. Essa visibilidade a nível nacional será muito importante, porque ajudará a trazer os olhos da cena nacional para Pernambuco. Aqui temos muitos diamantes que não conseguem avançar por uma questão de visibilidade. Eu entendi o convite como um reconhecimento."
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Rhaldney Santos entrevista Celso Muniz (MDB)
Enem para todos com professor Fernandinho Beltrão #181 - Tiops de rins dos vertebrados
Rhaldney Santos entrevista Dr. Felipe Dubourcq, urologista
Polícia Federal vai usar drones para fiscalizar irregularidades nas eleições
Grupo Diario de Pernambuco