Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

CINEMA

Cinema da Fundação promove Mostra de Curtas Pernambucanos Acessíveis Online

Publicado em: 17/06/2020 18:38

 (Foto: Arquivo/Fundaj)
Foto: Arquivo/Fundaj
O cinema brasileiro vive hoje um momento de contradição: alcançou o patamar de uma das economias que mais cresce no país, ao mesmo tempo que enfrenta constante redução de seu financiamento. O dia 19 celebra e mostra a força da produção nacional. A Fundaj, apresenta a partir desta quinta-feira (18) e sexta-feira (19), o Curta Alumiar - I Mostra de Curtas Pernambucanos Acessíveis Online. Os curtas exibidos seguem as adequações para pessoas com deficiências visuais e auditivas, que estarão disponíveis para serem assistidos no portal da Cinemateca Pernambucana, no site cinematecapernambucana.com.br. 

Cada dia de evento serão disponibilizados quatro curtas, que entrarão no site da cinemateca. "Essa mostra para a difusão de novos filmes acessíveis foi pensada para que pessoas cegas, com baixa visão, surdas ou ensurdecidas também tenham opção de acessar, da segurança de casa, uma produção cultural de qualidade durante este período de isolamento social”, diz Ana Farache, coordenadora do Cinema e da Cinemateca Pernambucana da Fundação Joaquim Nabuco. 
 
Ela também ressalta que a acessibilidade comunicacional dos curtas foi produzida pela própria Fundaj e que a mostra é também parte do projeto Alumiar de Sessão Acessível do Cinema da Fundação, criado no final de 2017. No Recife, o projeto já realizou mais de 21 sessões, levando cinema para cerca de três mil pessoas com algum tipo de deficiência. Os filmes escolhidos geralmente passam por critérios de importância local, trazendo elementos do cotidiano popular e da cultura nordestina. Entre os filmes que já participaram da sessão estão: O auto da Compadecida (de Guel Arraes), Viajo porque preciso, volto porque te amo (Marcelo Gomes e Karim Ainouz), Colegas (Marcelo Galvão) e Menino Maluquinho (Helvécio Ratton). Ele conta com três modalidades de acessibilidade comunicacional: Audiodescrição (AD) para pessoas cegas ou com baixa visão; Língua Brasileira de Sinais (Libras) para pessoas surdas, e Legenda para Surdos e Ensurdecidos (LSE).
 
PROGRAMAÇÃO - MOSTRA CURTA ALUMIAR
Quinta-feira (18), a partir das 14h:
A Árvore do Dinheiro de Marcos Buccini e Diego Credidio
A Onda Traz, O Vento Leva de Gabriel Mascaro
Ave Maria ou Mãe dos Sertanejos de Camilo Cavalcante
Cinema Glória de Fernando Spencer e Felix Filho
 
Sexta-feira (19), a partir das 14h:
Clandestina Felicidade de Beto Normal e Marcelo Gomes
Nº 27 de Marcelo Lordello
Recife de Dentro pra Fora  de Kátia Mesel
Salu e o Cavalo Marinho de Cecília da Fonte Alves
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Músico vence limitações do distanciamento social oferecendo shows particulares por encomenda
Destaques da semana: caso Miguel, Decotelli fora do MEC e retorno do Campeonato Pernambucano vetado
Inscrições para o Vestibular 2020.2 da Unicap vão até 15 de julho
Um mês sem Miguel : tudo que fazia era por ele, diz Mirtes
Grupo Diario de Pernambuco