Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

CRIMES SEXUAIS

Anitta, Richarlison e Bruno Gagliasso se manifestam sobre denúncias contra Felipe Prior

Publicado em: 03/04/2020 19:57

 (Fotos: Divulgação; Arquivo/AFP e Instagram/Reprodução)
Fotos: Divulgação; Arquivo/AFP e Instagram/Reprodução
Depois que a revista Marie Claire publicou reportagem com denúncias de crimes sexuais contra o arquiteto Felipe Prior, último eliminado do Big Brother Brasil 20, o nome do ex-BBB foi parar nos trending topics do Twitter nesta sexta-feira (3). Entre os usuários da rede, muitos famosos se manifestaram sobre o caso, incluindo a cantora Anitta e o jogador Richarlison, ambos já haviam demonstrado apoio ao então participante do reality show da Rede Globo. 

"Gente, eu segui o prior e mandei mensagem dizendo que a primeira festa que tivesse na minha casa ele tava convidado faz tempo, justamente porque, por um momento, achei que ele tinha se arrependido de comportamentos inadequado que teve na casa. Eu Twittei sobre isso várias vezes", respondeu Anitta, que foi questionada pelos seus seguidores sobre convite feito ao ex-BBB para uma festa em sua casa. 

"Não tô entendendo a surpresa. Assim como vocês, eu também não conheço ele. Por isso nao fiz campanha nenhuma pra ninguém. Realmente as acusações que surgiram sobre ele são graves. Como uma mulher feminista, abomino qualquer ato de violência contra nós mulheres", completou a cantora em sua conta no Twiiter.

Já Richarlison, que fez campanha para o brother permanecer no programa, prometendo até sorteio de camisa, pediu desculpas aos seguidores. "Se isso que foi dito sobre o Prior na matéria se confirmar, na humildade, peço desculpas e retiro o apoio que dei a ele nessa última semana no jogo, ainda que não soubesse dessas acusações, igual a todos vocês. Espero que tudo se esclareça logo!", escreveu o jogador.

"Eu não sou juiz, mas também não passo pano pra ninguém. Violência contra a mulher é abominável, não importa quem cometeu e nem porquê, não existe motivo no mundo pra que isso aconteça. Aprendi isso desde cedo" disse ainda o atleta do Everton.

Outros artistas se manifestaram
"Ouçam e acolham as mulheres. E que a justiça seja feita. Acabou o trocadilho", escreveu o ator Bruno Gagliasso ao compartilhar a reportagem com as denúncias.

O youtuber Felipe Neto também usou a rede social para compartilhar a matéria da revista Marie Claire. "Meu deus do céu!!! Tem laudo médico, tem depoimentos, tem tudo. Por favor, leiam a matéria". 

A atriz Bruna Linzmeyer defendeu as vítimas. "Todo meu apoio à matéria corajosa da marie claire, especialmente à coragem, força e estômago das três mulheres que denunciaram @felipeprior por estupro. Denunciar um homem por assédio e/ou estupro no nosso país infelizmente ainda gera acusações às mulheres de “mentirosas” a “exageradas”, além de retaliações diversas a elas a longo prazo. Aos homens, fica a impunidade e a certeza que continuarão trabalhando e vivendo normalmente. quem paga essa conta? quem cuida das nossas mentes? do nosso futuro?", disse.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Estados Unidos podem ser novo epicentro do vírus
Coronavírus em Pernambuco - resumo de 24/03/2020
Moda: aproveite o tempo em casa para desenvolver seu estilo pessoal
Chefe da ONU pede cessar-fogo imediato e global diante do avanço do coronavírus
Grupo Diario de Pernambuco