DUBLAGEM Emicida dá voz a personagem de 'League of Legends' em projeto de regionalização do game

Por: FolhaPress - FolhaPress

Publicado em: 08/11/2019 18:12 Atualizado em:

Para Emicida, apesar de já ter participado de outros trabalhos de dublagem, essa seria sua primeira vez dando voz a um personagem de game. (Foto: Reprodução/Instagram)
Para Emicida, apesar de já ter participado de outros trabalhos de dublagem, essa seria sua primeira vez dando voz a um personagem de game.
O rapper Emicida, 34, vai emprestar sua voz a um dos personagens do game "League of Legends". A novidade foi anunciada nesta sexta-feira (8) pela empresa Riot Games e faz parte da nova linha de skins que será lançada em formato de grupo musical, chamada True Damage. 

Segundo a empresa responsável pelo jogo, essa é a primeira vez que League of Legends usa um artista renomado no Brasil. Já para Emicida, apesar de já ter participado de outros trabalhos de dublagem, essa seria sua primeira vez dando voz a um personagem de game.

"Me sinto lisonjeado. Ainda mais num momento tão especial como esse que estamos vivendo, que é de ascensão, de luta por reconhecimento e de conscientização do Brasil a respeito da contribuição das pessoas de pele preta. Então, pegar um personagem que nem o Ekko e dar vida para ele, leva um pouco da nossa verdade para dentro dele, é uma honra gigante", afirmou o cantor no comunicado. 

A Riot Games afirmou que a linha de skins True Damage faz parte de um projeto de regionalização, no qual todos os países escolheram rappers para dublar os campeões que fazem parte do grupo musical. O ator Marcelo Campos, voz original do Ekko no Brasil, participou das gravações para garantir que a essência do personagem ficasse intacta.

"O Emicida não apenas leu as falas, que são todas rimadas, mas improvisou e adicionou seu próprio tempero à dublagem", afirmou a empresa em nota. O rapper já se apresentou na final do CBLoL 2018, em Porto Alegre, quando cantou "É só um joguinho", que ele compôs em homenagem aos fãs e à comunidade do jogo.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas