SEREÍSMO Vestida de sereia, olindense protesta contra óleo nas praias

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 28/10/2019 17:12 Atualizado em:

Foto: Divulgação / Ana Brito Fotografia / Facebook
Foto: Divulgação / Ana Brito Fotografia / Facebook

Vestida de Sereia e rodeada por peixes mortos, a escritora, atriz e cineasta olindense Joseany de Oliveira posou para fotos no litoral Pernambucano para protestar contra o derramamento de óleo nas praias nordestinas. 

Após concluir o projeto SOS - PRAIAS DO NORDESTE, produzido pela fotógrafa Ana Brito, a artista relatou a experiência em suas redes sociais, onde viralizou. No Facebook, por exemplo, sua publicação acumula quase 5 mil compartilhamentos. 

"O dia deveria ter sido maravilhoso: saiu tudo como planejado e, após o ensaio, fomos jantar e jogar conversa fora. Mas, sabem... NÃO FOI. Como eu poderia fingir que "estava tudo bem", enquanto as nossas praias estão poluídas e a vida marinha que nos cerca, está se findando?" diz um trecho da postagem. "Enquanto eu estava ali, no corpo de uma "sereia" sem vida (contaminada pelo "óleo da morte") diante de uma multidão, que me olhava, me fotografava e fazia vídeos daquela "cena", os meus olhos se enchiam de lágrimas e não era atuação... Eu estava sentindo na pele o que aconteceu/está acontecendo com milhares de animais que, em outrora, nadavam livres em nossos mares", relembra em outro.

 

Confira na íntegra:  

 

Joseany, que é adepta ao sereísmo, está acostumada a se caracterizar como ser mágico. Em suas redes sociais, a artista também publica imagens onde aparece como fada. 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas