INVESTIGAÇÃO Caso de assédio contra Kevin Spacey é cancelado após acusador morrer

Por: FolhaPress - FolhaPress

Publicado em: 30/10/2019 12:50 Atualizado em:

 (Foto: Divulgação)
O caso de assédio sexual contra Kevin Spacey, denunciado por um massagista no ano passado, foi cancelado, em Los Angeles, após a morte do acusador. De acordo com informações da Variety, o homem, que não teve sua identidade revelada, morreu vítima de um câncer, em setembro deste ano.

O massoterapeuta alegou que o ator tentou beijá-lo e o forçou a agarrar seus órgãos genitais durante uma sessão em Malibu, na Califórnia, em outubro de 2016. O advogado do acusador entrou com uma ação contra Spacey em setembro de 2018.

Desde então, a promotoria local analisou o assunto e não tomou uma decisão sobre a instauração de acusações até o momento da morte do massoterapeuta. Nesta terça-feira (29), Christina Buckley, vice-chefe da unidade de crimes sexuais local, desistiu formalmente do caso.

"Durante a investigação, a vítima faleceu. As alegações de agressão sexual não podem ser provadas sem a participação da vítima", escreveu no relatório.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas