Pernambuco.com
Pernambuco.com
Notícia de Divirta-se

ARREPENDIDO

Ben Affleck, que luta contra álcool, quase cai na rua por conta de recaída com a bebida

Por: FolhaPress

Publicado em: 28/10/2019 17:56

 (Foto: Arquivo / AFP)
Foto: Arquivo / AFP
O ator Ben Affleck, 47, ainda luta para se ver livre da guerra contra o alcoolismo. Porém, a batalha não é fácil. Na madrugada do último domingo (27), ele foi flagrado pelo site TMZ aparentemente embriagado. O astro teve de se segurar em um carro para não ir ao chão.
  
O ator, no momento do flagra, usava uma máscara de caveira. De acordo com o site TMZ, ele se encaminhava para uma festa à fantasia, em Hollywood quando demonstrou estar bêbado. Desde o final do ano passado que ele tem se internado com certa frequência em clínicas de reabilitação. Ao site, disse que "isso acontece" e que "foi uma recaída". Também revelou que não deixaria que isso o tirasse do "caminho certo".
 
Affleck já chegou a dizer anteriormente que os cuidados para não ter recaída durariam para sempre. "O suporte que recebi de minha família, colegas e fãs significam mais para mim do que posso dizer. Me deu forças e apoio para falar sobre minha doença com os outros", afirmou, à época, pelas redes sociais.
 
Em agosto de 2018, Ben Affleck foi levado para uma clínica de reabilitação por sua ex-mulher, a atriz Jennifer Garner, 47. O ator luta contra a doença desde 2001. Segundo a revista People, Affleck teria aceitado a internação naquele momento após uma visita dela.
 
E por falar nela, nesta segunda-feira (28), após o incidente do final de semana, Affleck foi visitar a ex na casa dela. Segundo informações da revista People, ele foi lá para se desculpar e se mostrou arrependido pelo deslize na noite anterior.
Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Estados Unidos podem ser novo epicentro do vírus
Coronavírus em Pernambuco - resumo de 24/03/2020
Moda: aproveite o tempo em casa para desenvolver seu estilo pessoal
Chefe da ONU pede cessar-fogo imediato e global diante do avanço do coronavírus
Grupo Diario de Pernambuco