Música Sound System pernambucano promove temporada de bailes gratuitos em Olinda

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 01/08/2019 10:11 Atualizado em: 01/08/2019 10:33

Leonardo Silva (Jah Leo) fundou o projeto em 2016. Foto: Ugo Portela/Divulgação
Leonardo Silva (Jah Leo) fundou o projeto em 2016. Foto: Ugo Portela/Divulgação
Os sistemas de som são, desde o início do reggae, a estrutura fundamental para divulgação desse tipo de música pelo mundo. Em Pernambuco, esse tipo de movimento tem sido difundido pelo Leão Conquistador Sistema de Som, conhecido por promover bailes dub na Região Metropolitana do Recife. O projeto inicia uma temporada de eventos gratuitos n'A Venda de Seu Biu, em Olinda, nesta quinta-feira (1º), seguindo durante todas as quintas do mês de agosto. 

No total, serão cinco noites de aparelhagem de som artesanal e seleção de discos de vinil de reggae e dub de todo o mundo. O projeto foi fundado pelo produtor cultural e comunicador Leonardo Silva (Jah Leo) em 2016. As sessões do Leão trazem músicas com conteúdo que valoriza a autoconsciência e progresso, bem ao mote da música tradicional jamaicana.

Foto: João Pedro/Divulgação
Foto: João Pedro/Divulgação
Como uma rádio ambulante com 18000w de potência, o Leão Conquistador faz o ouvinte sentir a música em sua plenitude, que é selecionada através de discos de vinil de Jah Leo. "Além da mensagem, também é importante na cultura do sistemas de som que a música chegue ao público com potência, em especial as frequências graves, que dão a característica marcante da música reggae", destaca o produtor.

Como parte de um movimento mundial, o Leão Conquistador se dedica também a fomentar a música lançando e comercializando discos de vinil através do selo RockersTime e a loja Subcultura.

SERVIÇO
Bailes do Leão Conquistador
Onde: A Venda de Seu Biu (Rua Sete de Setembro, 32 - Carmo, Olinda)
Quando: nesta quinta-feira (1º), 8, 15, 22, 29 de agosto, das 19h às 1h
Quanto: Gratuito


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas