música Sobrevivente de massacre em Orlando critica novo clipe de Madonna

Por: Agência Estado

Publicado em: 28/06/2019 09:19 Atualizado em: 28/06/2019 10:08

(Foto: AFP / ANGELA WEISS)
(Foto: AFP / ANGELA WEISS)

 
Após o lançamento do clipe de God control na quarta-feira (26/6), Madonna tem recebido críticas por exibir imagens em alusão ao massacre de Orlando. Em junho de 2016, um atirador abriu fogo em uma boate LGBT e matou pelo menos 50 pessoas, ferindo gravemente outras 53. O ataque é considerado o mais grave contra a comunidade LGBT na história dos Estados Unidos.


Ao TMZ, a sobrevivente Patience Carter disse que o videoclipe foi "extremamente insensível". "Como uma sobrevivente de violência armada, foi muito difícil assistir (ao clipe). Eu entendo que ela estava tentando conscientizar sobre o controle das armas, mas não acho que tenha sido a melhor maneira de falar sobre isso, porque para alguém como eu, que realmente viu essas imagens (pessoalmente), que realmente viveu essas imagens, vê-las novamente é traumatizante", expressou em um vídeo enviado ao site.

Em God control, do álbum Madame X, a cantora faz um apelo político pelo controle de armas nos Estados Unidos. Logo no início do clipe, uma mensagem é exibida para alertar o espectador quanto a violência armada: "A história que você está prestes a ver é perturbadora, mas está acontecendo todos os dias e precisa parar". 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas