TV BBB 19 edita comentários preconceituosos de Paula e internautas não perdoam Participante falou que cabelo cacheado é %u2018ruim%u2019 e que assassino de mulher não era faveladão

Por: Estadão Conteúdo - Estadão Conteúdo

Publicado em: 29/01/2019 13:35 Atualizado em: 29/01/2019 13:46

Foto: Reprodução/TV Globo
Foto: Reprodução/TV Globo

A edição de número 19 do Big Brother Brasil, na TV Globo, trouxe à tona mais uma polêmica. Comentários preconceituosos e recheados de estereótipos feitos por Paula Viana foram ao ar e os internautas não perdoaram.

Em uma conversa no quarto das meninas, Paula chamou cabelo cacheado de %u2018cabelo ruim%u2019.

Gabi, outra participante do BBB, respondeu: %u201CNão fala isso. Ruim é o preconceito%u201D. %u201CAh, é mania, né...mas quando tem umas dobrinhas assim, a gente já fala que não é lisinho%u201D, explica Paula. Gabi conclui: %u201CÉ, mas a gente precisa mudar isso%u201D.




Internautas repercutiram a fala de Paula e defenderam o posicionamento de Gabi. Confira.



 


 



Paula é estudante de Direito. Em uma conversa com Diego e Hariany, a participante falou sobre um caso de feminicídio. Ela contou que a vítima do caso levou 34 facadas e disse como se surpreendeu ao descobrir que o assassino %u2018era branco%u2019. %u201CAcho que ela tinha traído ele. E era aquela faca de pão. Aí eu pensei que ia chegar o maior %u2018faveladão%u2019 lá e, quando vi, o cara era 'branquinho', morou não sei quanto tempo na Austrália ou no Canadá. E pensei %u2018não é possível que fez isso%u2019%u201D, declarou Paula. 

Antes mesmo da estreia, o primeiro participante do BBB 19 foi eliminado. "A Globo tomou conhecimento hoje de fatos relacionados ao participante, avaliados como inadequados ao perfil dos competidores conforme o regulamento do programa. Fábio não será substituído", informou a emissora no sábado, 12. Fábio publicou um vídeo afirmando que o patrocínio de uma marca teria sido a causa de sua eliminação da competição. 

Já no ar, a produção do BBB desclassificou um outro participante que responde a processo por agressão. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas