LITERATURA INFANTIL Lançamento de livro reúne crianças no Museu do Homem do Nordeste O Que É Isso Que Eu Sinto? trata sentimentos complexos com poesia e anima projeto Domingo dos Pequenos no Museu.

Publicado em: 22/07/2018 13:24 Atualizado em: 22/07/2018 18:06

Turma do Tapete Voador reuniu crianças para apresentar livro sobre sentimentos. Foto: Roziane Fernandes-Cepe/Divulgação
Turma do Tapete Voador reuniu crianças para apresentar livro sobre sentimentos. Foto: Roziane Fernandes-Cepe/Divulgação
Cerca de 50 crianças participaram da leitura especial com a turma do Tapete Voador que marcou o lançamento do livro  infantil O Que É Isso Que Eu Sinto?, de Marcela Egito, neste domingo, pela manhã, no Museu do Homem do Nordeste, em Casa Forte, Região Noroeste do Recife. Editado pela Companhia Editora de Pernambuco (Cepe), o livro trata do reconhecimento de sentimentos como ansiedade, decepção e raiva, entre tantos outros que as crianças encaram em situações desafiadoras. O lançamento com sessão de autógrafos  integrou a  programação gratuita do Domingo no Museu, que comemora três anos de atividades, contando ainda com oficinas de confecção de carimbos para crianças e adolescentes e de intervenção em fotografia do acervo do Museu do Homem do Nordeste.

A autora do livro é publicitária se debruçou sobre a forma como sentimentos tão complexos surgem para as crianças ao decidir escrever seu primeiro livro. Apaixonada por livros infantis, e autora de outros textos ainda não publicados, Marcela Egito teve como elemento de inspiração a sua própria trajetória de vida. Mãe do pequeno Tiago, encontrou Igor Cayo, que assina as ilustrações e o projeto gráfico do livro, pai de José e Clara. Com a nova família, além das alegrias Marcela conta que se viu diante de uma overdose de sentimentos – o que a levou a recorrer à poesia para ajudar os pequenos a entender suas próprias emoções. “Quando somos crianças, sentimos. Mas nem sempre conseguimos dar nomes a tantos sentimentos”, indica a autora no texto de abertura do livro.

Lançamento do livro de Marcela Egito animou programação do Museu do Homem do Nordeste. Foto: Diogo Condé-Cepe/Divulgação
Lançamento do livro de Marcela Egito animou programação do Museu do Homem do Nordeste. Foto: Diogo Condé-Cepe/Divulgação
Com 24 páginas, O Que É Isso O Que Eu Sinto? adota versos para falar sobre tristeza (“Quando começou/ a chover aqui dentro? /Do peito./ Quero fechar a janela/ pra ninguém entrar.”); melancolia (“Arco-íris depois da chuva,/fim de tarde em casa vazia,/brincar no chão frio./Será que toda tristeza já/foi melancolia?”); ansiedade, (“...E esse balão aqui dentro do peito?/Não é de festa./É só de ar.”); alegria (“De todas as cores e tamanhos./Às vezes tão grande que mal cabe no peito./Cabe no sorriso que se repete.”); e euforia (“Era uma vez uma alegria que perdeu o controle./Ela saiu correndo com o vento.”). Também com poesia trata a decepção (“Não era do jeito que esperava./Eu imaginei diferente./Achava que era só felicidade./Só beleza.”); raiva (“Do nada ela cresce./Assim do nada mesmo?/É!/ Toma o menino que fica vermelho.”); medo (“A primeira vez que o vi era/apenas uma sombra/na parede.”); saudade (“O trem deu partida/e só restou o apito./Na lembrança./Na saudade./O apito dentro do peito.”); e o amor, “essa luz que nunca se apaga”.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas