DP Empresas Natural do Paiva inicia projeto colaborativo para restaurante Objetivo é arrecadar R$ 50 mil até o fim deste mês. Além do restaurante, espaço terá cursos e oficinas

Por: Rochelli Dantas - Diario de Pernambuco

Publicado em: 12/01/2019 11:00 Atualizado em: 10/01/2019 19:29

Bike Food está em funcionamento desde 2017 oferecendo tapiocas, omeletes, refeições e sucos prensados em toda a região. Foto: Andre Costa Photography/ Divulgação
Bike Food está em funcionamento desde 2017 oferecendo tapiocas, omeletes, refeições e sucos prensados em toda a região. Foto: Andre Costa Photography/ Divulgação

A Reserva do Paiva terá um restaurante contêiner sustentável. Além de ter o projeto de ambientação de acordo com normas ambientais, a proposta é que o local ofereça uma alimentação saudável, além de cursos e oficinas gastronômicas. Para tanto, a empresária Irina Bezzan, que está à frente do negócio, lançou uma campanha de arrecadação de recursos. O projeto pede a contribuição mínima de R$ 30 para chegar ao valor total de R$ 50 mil.

O montante arrecadado será destinado à locação do terreno, compra de insumos para o plantio da horta e aquisição de equipamentos, por exemplo, que farão parte das oficinas gratuitas de confecção, além do treinamento de pessoas que atuarão no projeto como um todo. O doador poderá reverter o dinheiro em produtos ou em um consumo no próprio Natural do Paiva. A doação pode ser feita pelo www.kickante.com.br/campanhas/eco-container-espaco-colaborativo.

"Queremos também gerar no bairro o conceito de colaboração. Todo o nosso projeto está sendo pensado neste sentido. Inclusive, fechamos parceria com uma ONG local, a reserva da cidadania, que, através do Projeto Quintais Produtivos, nos auxiliará com o fornecimento de produtos e também com os cursos que queremos oferecer no local", detalha Irina Bezzan, que atualmente está a frente da Bike Food Natural do Paiva. Pelo planejamento, a ideia é que o container restaurante esteja funcionando já em março.

Para a estrutura do restaurante, a empresária está apostando na reutilização de um container. Já na mobília, no uso de madeira de demolição, enquanto na iluminação, painéis solares. "Estamos preocupados com todos os detalhes, inclusive nos materiais biodegradáveis, como as embalagens que utilizaremos junto ao cliente, a fim de deixar o projeto realmente ecologicamente correto", conta.

Sustentável
Em meados de 2017, Irina Bezzan decidiu largar a vida de executiva em São Paulo e se mudou com a família para o Recife, escolhendo a Reserva do Paiva como moradia. Na busca por uma nova ocupação, a empresária decidiu montar a "bike food Natural do Paiva", comercializando alimentação saudável por toda a região. Diariamente são produzidos tapiocas, omeletes, refeições e sucos prensados.

"Eu já cheguei a pedalar 10km de ida e mais 10km de volta levando os produtos. E, assim, o negócio tem crescido e outros nichos de mercado começaram a aparecer. Passamos a ser convidados para estar em eventos e também a fazer os produtos congelados para comercializar. Foi daí que surgiu a ideia do restaurante, que seria nosso ponto fixo", detalha Irina.

A ideia da empresária é, mesmo após a inauguração do ponto fixo, seguir com os dois negócios. "A bike leva o conceito sustentável para onde ela for. Então, queremos manter o negócio e aprimorar. Estamos estudando o início de desafios de culinária itinerante. Enfim, unir os dois negócios", finaliza.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas