Posicionamento Flávio Bolsonaro: candidatos no Senado devem estar 'alinhados' com pautas do País

Por: AE

Publicado em: 30/01/2019 16:49 Atualizado em:

Foto: Fabio Teixeira/ AFP
Foto: Fabio Teixeira/ AFP
De passagem pelo Congresso Nacional, o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) defendeu nesta quarta-feira (30) que quem quer que seja o presidente do Senado a partir da próxima sexta-feira (1º) "tem que estar alinhado com as pautas econômicas e de segurança do País".

A afirmação foi uma resposta do senador eleito a questionamentos sobre a mudança de discursos do senador Renan Calheiros (MDB-AL) que vem se apresentando como um "novo Renan", agora "liberal" em vez de "estatizante".

"Está colocando as opiniões dele, e eu respeito, mais nada. Qualquer presidente tem que estar alinhado com as pautas econômicas do País, com as pautas de segurança, independente de quem seja. Essa é uma questão do MDB", afirmou.

Flávio não explicou o motivo da sua visita ao Senado nesta quarta-feira. No curto período em que esteve nas dependências da Casa, o senador do PSL ficou em uma reunião na liderança do governo, mas negou qualquer intenção de assumir o posto de líder do Palácio do Planalto na Casa. 

Antes de deixar o Senado, no entanto, ele foi questionado também sobre as interferências do ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, na eleição interna. "A orientação do presidente (Jair Bolsonaro) é não interferir. Da minha parte, aqui, é não interferir", disse.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas