futebol "Não queria ver a bola" depois da Copa do Mundo, diz Neymar Craque ainda está abalado com a eliminação do Brasil da Copa do Mundo, mas afirma que "a tristeza não pode durar para sempre"

Por: Agência Brasil

Publicado em: 21/07/2018 17:47 Atualizado em: 21/07/2018 17:53

Reprodução / Wikipédia
Reprodução / Wikipédia
"Não queria ver bola na minha frente, não queria ver futebol" disse o craque brasileiro Neymar em entrevista exclusiva à AFP, neste sábado, para comentar seu luto após a eliminação do Brasil da Copa do Mundo da Rússia-2018.

Neymar esclareceu que voltou aos holofotes porque "a tristeza não pode durar mais para sempre". O jogador mais caro da história estava em seu instituto em Praia Grande para prestigiar o torneio Red Bull Neymar Jr's Five, e conversou com a AFP acompanhado do filho Davi Lucca, 6 anos.

O atacante do Paris Saint-Germain também demonstrou expectativas para a nova temporada no PSG, sob comando do técnico alemão Thomas Tuchel e com a companhia do lendário goleiro italiano Gianluigi Buffon, recém contratado.

"Recebemos uma lenda do futebol com toda sua experiência, tenho certeza que vai nos ajudar muito nesta temporada", disse Neymar em referência ao arqueiro italiano.

Na última quinta-feira (19), o craque encerrou especulações sobre possível saída do clube francês em leilão beneficiente. Neymar atribuiu os rumores a "especulações da imprensa".

Ao ser questionado sobre as críticas que recebeu pelas numerosas quedas na Copa do Mundo, Neymar disse que não foi para a Rússia "para sofrer faltas". "Fui para ganhar e meus adversários obviamente que não iriam me deixar tranquilo, não iam me deixar passar sem me tocarem, sem fazerem as faltas. Eles sabem que se não fizerem as faltas eu vou parar no gol", declarou.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas