Rompimento Justiça Federal disponibiliza contato telefônico para atendimento ao público e suspense expediente nesta quinta

Publicado em: 30/01/2019 20:58 Atualizado em: 30/01/2019 21:03

Em virtude da paralisação dos sistemas informatizados ocasionados pelo rompimento do encanamento principal que abastece todo o edifício sede da SJPE, ocorrido no último domingo (27), provocando a suspensão do expediente até esta quinta-feira  (31), bem como os prazos dos processos vencíveis durante esta semana ( 28/01 a 1º/02), a Direção do Foro disponibilizou um canal de atendimento ao público para esclarecimento de dúvidas e outras informações. O contato com a JFPE pode ser realizado por meio do número (81) 99992.9957. 

Além do telefone dispensado para o atendimento ao público, também está disponível o número do Plantão Judiciário. Este  deve ser utilizado apenas em casos de urgência, como  habeas corpus contra prisão, busca e apreensão e medida cautelar decretadas por autoridade sujeita à competência da JFPE, medida liminar e prisão em flagrante, entre outros. Para o plantão judiciário os telefones disponíveis são: Polo 1 - Recife, Jaboatão dos Guararapes, Cabo de Santo Agostinho, Palmares e Goiana (81) 99971-6668; Polo 2 - Caruaru, Arcoverde e Garanhuns - (87) 99602.7518; Polo 3 - Petrolina, Ouricuri, Serra Talhada e Salgueiro  (81) 98959.7614.

Ainda pelo mesmo motivo, a direção do Foro da Seção Judiciária de Pernambuco (SJPE) decidiu manter a suspensão do expediente forense desta quinta-feira (31), considerando  a paralisação dos sistemas informatizados ocasionados pelo rompimento do encanamento principal que abastece todo o edifício sede da SJPE. A medida foi estabelecida por meio da Portaria nº 53/2019, que suspende, também, os prazos processuais vencíveis no período de 27 de janeiro a 1º de fevereiro.

A Direção destaca que apesar dos avanços alcançados pelas equipes envolvidas no restabelecimento dos sistemas eletrônicos, com conserto, recuperação, substituição de peças e realização de testes, persiste a impossibilidade de sua normalização nas próximas 24 horas, conforme parecer do corpo técnico de Tecnologia da Informação da JFPE. 

Apesar da suspensão do expediente, o Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) destaca que estão mantidas as audiências do mutirão de conciliação do Projeto Prédio-Caixão, realizadas em parceria com a Caixa,  no 10 º andar do edifício-sede da JFPE, no bairro do Jiquiá. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas