Notícias, Esporte, Pernambuco, Política, Tecnologia, Vídeos, Fotos, Mundo, Divirta-se

Diario de Pernambuco Assine o Diario Central de assinantes
Pernambuco.com

Recife, 27/MAI/2017
 
cheia

  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Rio Grande do Sul » Vale dos Vinhedos, na Serra Gaúcha, é conhecido como a Toscana brasileira Em meio ao verde, com friozinho que pede um aconchego, um pedaço do Brasil que mais lembra a Europa. Viaje pelo Rio Grande do Sul e descubra as riquezas e os sabores da terra do vinho

Luiz Ribeiro

Publicação: 07/02/2017 09:25 Atualização: 06/02/2017 15:40

Local acolheu o surgimento de uma organizada indústria vitivinícola. Foto:  Pedro de Freitas Junior/Flickr
Local acolheu o surgimento de uma organizada indústria vitivinícola. Foto: Pedro de Freitas Junior/Flickr
 

No extremo sul do país, a duas horas e meia (de avião) de Brasília, está o Rio Grande do Sul. O estado colonizado por povos vindos da Europa, principalmente o italiano, adquiriu características distintas do restante do país não só na cultura como na atividade produtiva. Com quatro estações bem definidas, foi a região escolhida pelos estrangeiros para fazer crescer as suas famílias, ao mesmo tempo em que investiam na terra e perpetuavam os seus costumes. A forte influência desses povos resultou no surgimento de uma organizada indústria vitivinícola, onde atualmente fica o Vale dos Vinhedos.

O turista que visita a Serra Gaúcha logo se dá conta de que a região formada pelos municípios de Bento Gonçalves, Garibaldi e Monte Belo do Sul tem mais riqueza do que o seu terroir — palavra francesa que define o conjunto de fatores, como solo e clima, responsáveis pela qualidade do vinho de determinada localidade. A rota dos vinhedos é formada por 48 vinícolas que oferecem visitas guiadas e degustações com atendimento por enólogos e pelas famílias empreendedoras.

Partindo da capital, Porto Alegre, são 130km até Bento Gonçalves, onde há um ponto no qual um mapa indica as 48 vinícolas do Vale dos Vinhedos. A viagem pode ser feita de ônibus, van ou carro, em passeios organizados por diversas agências de turismo. O passeio em grupo custa a partir de R$ 180 por pessoa, incluindo almoço. Basta um dia para conhecer, saindo às 7h e retornando à capital às 18h. Dependendo da estação do ano, as paisagens variam de tom, com belezas peculiares e cheiros impressionantes.

Subir a serra impressiona com a descoberta de lugares que ficam na lembrança, como São Vendelino, cidadezinha onde os cerca de 2 mil habitantes se comunicam em alemão muito mais que em português. Vale parar para conhecer e fazer umas fotos. No percurso estão Carlos Barbosa, capital nacional do futsal, e Garibaldi, famosa por produzir os melhores espumantes do Brasil. Em Bento Gonçalves, há a opção do bucólico passeio no trem Maria- Fumaça, que segue até Carlos Barbosa. O bilhete custa R$ 11, com direito a assistir a um show típico italiano e a degustação de suco de uva e espumante.

Exportação

Foto: Paulo Roberto Heuser/Flickr
Foto: Paulo Roberto Heuser/Flickr

Em Bento Gonçalves, uma boa pedida é a visita guiada à Vinícola Miolo, que surgiu como pequena produção familiar em 1897 e, hoje, tornou-se a maior produtora nacional do setor, exportando para 32 países. Por R$ 20 é possível conhecer todo o processo de produção do vinho, começando pelas videiras. Depois, pelos setores de fabricação, embalagem e envelhecimento. A visita termina numa sala dedicada à degustação, onde enólogos fazem rápidas palestras e informam curiosidades sobre os produtos, como que os vinhos brancos “harmonizam” com frutos do mar, peixes e queijos leves. Já os suaves combinam com pratos doces, inclusive sobremesas. (LR)

» Serviço

Onde ficar
Mercure Porto Alegre Manhattan Hotel
Rua Miguel Tostes, 30, Moinho de Ventos — Porto Alegre
(51) 3024-3030

Spa do Vinho
RS-444, quilômetro 21 — Bento Gonçalves
(54) 2102-7200

Onde comer
Casa Ângelo Restaurante
Estrada para São Pedro, 26, Caminhos de Pedras — Bento Gonçalves
(54) 3475-0175

Restaurante Dona Ludia
Estrada para São Pedro, Distrito de São Pedro, Caminhos de Pedras — Bento Gonçalves
(54) 3455-0155

Visite
Vinicola Miolo, visita guiada
RS-444, quilômetro 21, Vale dos Vinhedos — Bento Gonçalves
(54) 2102-1500 / atendimento@miolo.com.br

Vinicola Barcarola
Via Trento, s/nº, Vale dos Vinhedos — Bento Gonçalves
(54) 3451-2478

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.









SIGA

Facebook

Google+

Twitter

Rss

[X Fechar]