• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Ceará » Beach Park tem atrações para todos os gostos, mas listamos as mais radicais (e melhores) São vários atrativos para as crianças. Tem brinquedos para os adultos mais cauteloso. Mas as pessoas mais corajosas é que vão sentir a adrenalina completa que o parque oferece

Luciana Morosini

Publicação: 05/08/2016 09:20 Atualização: 05/08/2016 12:36

Insano, no alto dos seus 41 metros de altura, é a principal atração do parque aquático. Foto: Divulgação
Insano, no alto dos seus 41 metros de altura, é a principal atração do parque aquático. Foto: Divulgação

Eleito recentemente o quinto melhor parque aquático do mundo em pesquisa realizada pelo TriAdvisor, o Beach Park é destino certo para agradar todo tipo de público. Há espaços para as crianças, atrações para adultos mais receosos e, claro, brinquedos mais radicais para os que gostam de adrenalina. Passar o dia - ou mais de um - no Beach Park é diversão garantida para todos os gostos.

Complexo do Beach Park vai além do parque aquático
Encontro do rio com o mar em paisagem de encantar a vista

Se a ideia é levar as crianças, não faltam opções mais leves para divertir os pequenos. São vários pontos espalhados por todo o parque aquático. Algumas atrações são realmente voltadas para agradar as crianças, como a área com temática de circo, o Acqua Circo, e a Arca de Nóe. Em outras é possível agregar os membros da família de várias idades para se divertir juntos, como na piscina de correnteza, onde é possível fazer o percurso em uma boia, e a piscina com onda. No Acqua Show, também é possível encontrar gente de todas as gerações. Todos ficam embaixo do brinquedo esperando um balde gigante que fica no topo encher de água, depois ele vira e joga a água em cima de todo mundo. Gritos e risos são ouvidos cada vez que o balde gigante vira.

Acqua Circo é uma das atrações voltadas para a criançada. Foto: Divulgação
Acqua Circo é uma das atrações voltadas para a criançada. Foto: Divulgação

Para os iniciantes no quesito aventura, comece devagar, apostando nos toboáguas que são descidos com boias na atração Ramubrinká. O Atlantis também é uma boa opção. Nele, você desce um toboágua com algumas rampinhas em uma boia com até quatro pessoas. Ao lado está o Moreia Negra, um toboágua de descida leve e com o tubo mais escuro, mas não totalmente sem luz. Olhe para o Hupa Hopa e acredite que é o brinquedo mais besta do parque para adultos. Mas não é, não. Ele tem apenas 7,5 metros de altura, mas a descida é muito, muito veloz até a pessoa ser arremessada com força na piscina. Em poucos segundos é possível atingir velocidade de 20 km/h. Lembre-se de prender a respiração para não entrar água no nariz.

Vaikuntudo é ideal para quem deseja sentir um friozinho na barriga, mas sem muita adrenalina. Foto: Felipe Panfili/Divulgação
Vaikuntudo é ideal para quem deseja sentir um friozinho na barriga, mas sem muita adrenalina. Foto: Felipe Panfili/Divulgação

Já os que querem se arriscar um pouquinho mais na adrenalina, pode apostar no Vaikuntudo. Na verdade, este novo brinquedo, lançado em 2015, é imperdível. Apesar de no mapa do parque ele aparecer como uma atração radical, o toboágua na verdade é o ideal para quem deseja sentir um friozinho na barriga, mas sem ficar tão nervoso a ponto de não conseguir curtir a descida. É possível aproveitar cada momento. O Vaikuntudo é o maior toboágua na categoria Tornado do mundo em altura e percurso. São 25 metros de altura, 240 metros de descida e a boia com quatro pessoas pode atingir velocidade de 43 km/h. A descida é incrível com o colorido do tubo e prepare-se para ser arremessado em um grande funil e escorregar de um lado a outro das paredes do tubo. Fique bem agarrado na boia e curta o momento. Este é o tipo de brinquedo que dá vontade de quero mais.

Mas o melhor mesmo do Beach Park está reservado para quem é adepto de aventura e muita emoção. As atrações mais radicais são excelentes, geram uma descarga de adrenalina e, depois de ir na primeira, você vai logo querer encarar outra mais radical. Pode ter certeza disso. Ou, simplesmente, comece pelo mais radical de todos, o Insano, que os outros, perto dele, vão parecer fichinha. Confira a lista com as cinco atrações mais radicais do parque aquático cearense.

As cinco atrações mais radicais do Beach Park:

1 - Insano
Foto: João Melo/Beach Park/Divulgação
Foto: João Melo/Beach Park/Divulgação

O nome já diz muito sobre o brinquedo. Com certeza é o que garante o maior pico de adrelina de todas as atrações do parque. Afinal de contas, estamos falando de um toboágua de 41 metros de altura. A ansiedade começa ao subir os 14 andares de escada. O cansaço, pode ter certeza, não é o "pior" dos sentimentos neste momento. O corpo aguenta, já o coração palpita forte. Se tiver fila, mentalize qualquer coisa para não desistir no meio do caminho, principalmente porque o nervosismo vai apertando à medida que você vai subindo os degraus. E se você chegar lá em cima e amarelar, com certea vai ouvir gritos e tirações de onda dos que ainda estão na fila. Melhor não. Se você conseguiu chegar no lugar de sentar, aí faça tudo muito rápido. Ouça as explicações do instrutor e se empurre para o infinito sem pensar muito. Até porque é você mesmo que precisa se empurrar para aquele abismo que não se vê o fim. Se conseguir chegar nesta fase, não terá mais tempo de muita coisa. A queda é muito, muito rápida, dura cerca de cinco segundos e a pessoa pode atingir velocidade de 105 km/h. Mas pode ter certeza que dá tempo de sentir aquele friozinho na barriga na hora da queda, quando o corpo chega a descolar do toboágua. Se conseguiu encarar o Insano, qualquer outro brinquedo do parque vai ser fichinha. Mas, ainda assim, dará medo.

2 - Arretado
Foto: João Melo/Beach Park/Divulgação
Foto: João Melo/Beach Park/Divulgação

Ou mini Insano. É assim que o toboágua, que fica no brinquedo Arrepius, é conhecido. O princípio é o mesmo do irmão maior.  Queda livre, só que de uma altura de 25 metros. Parece uma tranquilidade para quem já encarou o Insano, mas não se engane que não é, não. A principal diferença e parte mais assustadora é que o Arretado não tem pista de escape antes da queda livre. A pessoa já se empurra para o abismo que parece sem fim. A parte mais difícil é conseguir dar a partida. O restante é muito rápido e veloz. Pode se jogar na fé.

3 - Ramubrinká
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Parece um brinquedo inofensivo e está na classificação de atração moderada. São sete toboáguas reunidos em um só lugar e a maioria realmente é bem tranquila, podendo escolher entre descer de boia ou individualmente. Mas suba até o topo (são dois locais de descida, o mais baixo para quem vai descer com boia e o mais alto sem boia) e escolha justamente o tubo preto (ainda tem um azul e um verde). O melhor é que o toboágua negro é totalmente escuro por dentro e a pessoa não sabe o que vem pela frente, só sente. Na primeira descida, inclusive, é provável que a pessoa até perca a noção de localização. É bem comum ver as pessoas saindo do tubo e não levantando a cabeça, acreditando que ainda estão descendo. Para quem tem tontura, não é recomendado. Mas pode ter certeza que a primeira vez é a pior. Depois a sensação alivia e aí é hora de seguir para o próximo e sentir uma nova inquietação.

4 - Arre Doidos
Foto: João Melo/Beach Park/Divulgação
Foto: João Melo/Beach Park/Divulgação

É mais uma das atrações do Arrepius.  O instrutor chama a pessoa para ficar à frente de uma cápsula. A partir daí, pode preparar o coração. Não chegou a sua vez ainda, mas ver a pessoa da frente despencar do nada dá logo pânico. Quando chega a sua vez, você entra na cápsula, que fica totalmente fechada. A partir daí é um caminho sem volta. E chega a pior parte: começa uma contagem regressiva e, sem que o passageiro tenha qualquer tipo de vontade sobre a hora de descer, o piso se abre. Queda livre até topar no toboágua e fazer o resto do percurso.

5 - Kalafrio
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

É basicamente uma pista de skate, só que com inclinação de quase 90 graus e 11 metros de altura. Você desce em uma boia dupla e torça para que você seja o mais pesado entre os dois. Na hora de sentar na boia, a instrutora vai perguntar quantos quilos cada um da dupla pesa. E o mais leve é o que vai descer de costas. É preciso coragem até mesmo para sentar na boia, já que dá a sensação que ela vai escorregar. Mas não vai até que a dupla esteja acomodada. Daí a boia é lançada e escorrega pela rampa íngreme, sobe até quase o fim do outro lado e volta. Ao final, a sensação é ótima.

SERVIÇO:

Ingressos para o Beach Park:
Infantil - R$ 195
Adulto - R$ 205
Passaporte para 3 dias - R$ 300
Passaporte para 7 dias - R$ 320

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.



Últimas