• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Pacotes » Preço e promoções de passagens definem viagem O resultado faz parte de levantamento promovido pela empresa britânica de meios de pagamentos WorldPay

Diario de Pernambuco

Publicação: 26/07/2016 08:50 Atualização:

A maior parte dos brasileiros, 71% decide onde vai passar férias de acordo com o preço e as promoções de pacotes de viagens. O percentual é superior ao encontrado em países como Alemanha (55%), Austrália (49%) e Estados Unidos (46%) e próximo dos de Índia (75%) e China (72%). O resultado faz parte de levantamento promovido pela empresa britânica de meios de pagamentos WorldPay. Foram ouvidas pela internet 12 mil pessoas em 6 países a respeito de seus hábitos de compra e pagamento para o turismo.

Segundo avaliação de Juan D’Antiochia, diretor geral para a América Latina da WorldPay, o comportamento do brasileiro é reflexo, mais do que da crise econômica do país, de questões culturais e de funcionamento do mercado local. Ele diz que, enquanto europeus e norte-americanos costumam planejar e comprar pacotes de viagens com meses de antecedência, brasileiros fazem compras próximas da data da viagem, o que os leva a fazer escolhas de última hora.

“O principal para o brasileiro é tirar férias, o local para onde ele irá é irrelevante. O europeu, em geral, quer ir para um destino específico. Se não puder ir para onde pensou, não vai para lugar algum.”

Dentre os turistas brasileiros, 62% usam recursos próprios para viajar. É o maior percentual entre os países analisados. O país onde mais se empresta para viajar é a China, em que 72% usa crédito para o turismo. No Brasil o percentual é de 52% (era possível apontar as duas opções). “Na América Latina em geral, existe a cultura de que o crédito não deve ser usado, a menos que se vá comprar um carro ou um imóvel”, diz Antiochia.

Fatores como as taxas de juros altas favorecem essa forma de lidar com o crédito, afirma. Outro motivo para a diferença no uso de empréstimos é explicada pelo fato de os brasileiros terem a sua disposição o parcelamento no cartão de crédito (que não foi considerado empréstimo pela WorldPay), diz Antiochia. No Brasil, 86% dos entrevistados disseram ter interesse em parcelar pacotes de turismo e 90% por parcelar passagens de avião.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.



Últimas