Notícias, Esporte, Pernambuco, Política, Tecnologia, Vídeos, Fotos, Mundo, Divirta-se

Diario de Pernambuco Assine o Diario Central de assinantes
Pernambuco.com

Recife, 20/NOV/2017

  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Risco » Golpe no WhatsApp usa vale-presente da Kopenhagen para enganar usuários O golpe começou a ser propagado no app de mensagens há 24 horas e já afetou mais de 300 mil brasileiros que acreditaram na mensagem divulgada

AE

Publicação: 06/04/2017 19:30 Atualização: 06/04/2017 19:46

Após o falso vale-presente das lojas O Boticário, um novo golpe está circulando no WhatsApp no Brasil. Desta vez, criminosos usam um falso vale-presente da Kopenhagen prometendo um ovo de Páscoa de graça. De acordo com a startup brasileira de segurança PSafe, o golpe começou a ser propagado no app de mensagens há 24 horas e já afetou mais de 300 mil brasileiros que acreditaram na mensagem divulgada.

O golpe funciona de maneira similar ao das lojas O Boticário, propagado na última semana na internet: o usuário recebe, pelo aplicativo de mensagens, um convite para participar da promoção da Kopenhagen. Ao clicar no link, a vítima é direcionada para uma página na qual deve responder a três perguntas sobre a marca como, por exemplo, "você fez compras na Kopenhagen no ano passado?". Em seguida, ela é incentivada a compartilhar o link da promoção com 10 amigos via WhatsApp. Se fizer isso, a falsa promoção diz que o usuário poderá retirar um ovo Língua de Gato em lojas Kopenhagen.

Para completar o golpe, o criminoso ainda pede que o usuário se cadastre em sites maliciosos - que podem causar prejuízos financeiros - ou baixar aplicativos falsos, que podem infectar o smartphone e deixá-lo vulnerável a outros tipos de crimes virtuais. O ataque ainda conta com comentários falsos elogiando a promoção, com o intuito de deixar o golpe mais verossímil. 

“Essa falsa campanha apresentou uma rápida curva de crescimento na quantidade de acessos nas últimas horas, o que nos leva a crer que os cibercriminosos estão fazendo sua divulgação por meio de propagandas incentivadas em outras plataformas além do aplicativo de mensagens instantâneas”, comenta Emilio Simoni, gerente de Segurança da PSafe, por meio de nota.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.









SIGA

Facebook

Google+

Twitter

Rss

[X Fechar]