LITERATURA Pesquisadora e escritora Maria Alice Amorim lança novo livro

Publicado em: 03/05/2019 17:13 Atualizado em: 03/05/2019 17:20

O tema da obra são as poéticas de tradição oral nas redes sociais. Haverá recital poético. Foto: Divulgação
O tema da obra são as poéticas de tradição oral nas redes sociais. Haverá recital poético. Foto: Divulgação

Cordeis, repentes, pelejas, típicos representantes da oralidade e da poética sertaneja tem espaço nos meios impressos e na web? São respostas a estes questionamentos que a pesquisadora e escritora Maria Alice Amorim procura transmitir no seu mais novo livro Pelejas em Rede, que estuda estas relações. O lançamento acontece neste sábado (4), no Canto Sertanejo, Box 15 do Mercado da Madalena, a partir das 11h, com sessão de autógrafos e microfone aberto. O recital poético será coordenado pelo músico e poeta Allan Sales. Todo o evento é gratuito. A obra sai pela Zanzar Edições, da própria autora, e recebeu incentivo do Funcultura. 

O rabalho é resultado de pesquisas sobre as poéticas de tradição oral que Maria Alice Amorim vem desenvolvendo desde a década 1980. O tema foi, inclusive, aprofundado durante o mestrado e o doutorado, ambos cursados no programa de pós-graduação em Comunicação e Semiótica, na PUC-SP. Trata-se de uma obra ensaística em que o mote é a peleja, obra de cordelistas e repentistas que, há séculos, guarda variados códigos e, simultaneamente, combina formas fixas, ritmo, temas, em desafios ao vivo, desafios impressos ou mediados pela web. O livro contém 320 páginas ilustradas e bibliografia sobre o assunto. Há, ainda, ao final, uma síntese preparada pela autora e traduzida para o espanhol e inglês. A capa é uma xilogravura do poeta, editor e gravurista Marcelo Soares.

De acordo com a autora, as pelejas em redes, de que trata o livro, são metáforas do mundo em continuidades e descontinuidades de espaço-tempo. “Elas estão em comunicação poética que, mesmo obedecendo a repertórios temáticos e regras formais, instaura novos modos deste fazer e, simultaneamente, restabelece memórias seculares acionadas pela memória longa”, afirma. 

Maria Alice Amorim realizará, ainda, conferências nas quatro macrorregiões do Estado. O objetivo é falar a respeito da temática do livro notadamente com estudantes de escolas públicas de localidades como Petrolina, Arcoverde, Garanhuns, Caruaru, Nazaré da Mata, Tamandaré, Recife e Olinda.  


Dia 04 de maio de 2019, a partir das 11h
Canto Sertanejo/ BOX 15  Mercado da Madalena
Evento com acesso gratuito
Livro: R$ 20,00.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas