me too Ator Bill Cosby fecha acordos contra acusação de difamação

Por: Correio Braziliense

Publicado em: 08/04/2019 11:47 Atualizado em:

Mais de 60 mulheres acusam Bill Cosby de abuso sexual. Foto: EDUARDO MUNOZ ALVAREZ/AFP
Mais de 60 mulheres acusam Bill Cosby de abuso sexual. Foto: EDUARDO MUNOZ ALVAREZ/AFP
Na última sexta-feira (5/4), em Massachusetts, o advogado de sete mulheres foi a um juíz federal para declarar que as clientes estavam satisfeitas com um acordo de acusação de difamação contra o ator Bill Cosby.

Elas foram parte de um processo de abuso sexual contra o comediante em 2014. Os representantes de Cosby, à época, classificaram as denúncias de estupro como "ridículas", "fabricadas" e "absurdas", o que gerou as acusações de difamação contra o comediante.

Andrew Wyatt, porta-voz de Bill Cosby, disse que o ator sequer sabe do acordo. "Ele não está pagando ninguém", revela ao The Hollywood Reporter. "A defesa do artista decidiu fechar os acordos sem o conhecimento ou permissão do Sr. Cosby", completa.

Bill Cosby tem 81 anos e está preso desde setembro de 2018 após ser condenado por drogar e abusar sexualmente da ex-jogadora de basquete Andrea Costand em 2004. A pena pode ser de até dez anos.

Mais de 60 mulheres sustentam acusações semelhantes contra o ator. Segundo Wyatt, Cosby segue se declarando inocente em todos os casos.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas