DIA DA MULHER Grandes produções entram em cartaz para celebrar o Dia Internacional da Mulher Programação abrange programas, músicas, filmes e reportagens feitas por e para mulheres

Por: Diario de Pernambuco

Por: Estadão Conteúdo - Estadão Conteúdo

Publicado em: 08/03/2019 15:38 Atualizado em: 08/03/2019 16:41

Série documental #OFuturoéfeminino no GNT. Foto: Saeed/Divulgação
Série documental #OFuturoéfeminino no GNT. Foto: Saeed/Divulgação

O Dia Internacional da Mulher é celebrado em 8 de março, data em que milhões de mulheres são homenageadas ao redor do mundo por suas conquistas sociais, políticas e econômicas. Fortes, guerreiras, apaixonadas, mães e executivas são alguns dos papéis assumidos pelas mulheres não só na vida real, mas também nas grandes produções cinematográficas e da teledramaturgia. Para comemorar a data, canais de televisão e algumas plataformas de streaming prepararam programações especiais focadas na força e no empoderamento feminino, em que mulheres se destacam como protagonistas em busca de respeito e igualdade.

Confira os destaques do Especial Dia da Mulher:

MULTISHOW
No Dia Internacional da Mulher, o TVZ fará um especial totalmente dedicado às mulheres que, através da música, quebram barreiras e ultrapassam preconceitos. A exibição ocorre a partir das 19h de sexta-feira, 8, e contará com clipes de artistas como Iza, Karol Conká, Beyoncé e Preta Gil.

GNT
Em comemoração ao mês da mulher, o GNT estreou a série documental #OFuturoÉFeminino, em que as jornalistas Claudia Alves, Fernanda Prestes e Bárbara Bárcia fazem um registro histórico das lutas feministas em diferentes lugares do mundo. Elas entrevistam, ao longo de cinco episódios, mulheres ativistas na Islândia, no Paquistão e no Brasil para investigar o lugar ocupado por elas nessas sociedades. Os países foram escolhidos com base no ranking de igualdade de gênero divulgado pelo Fórum Econômico Mundial.

O feminismo é chave principal do processo de luta pela igualdade de gênero e tema central da série. As jornalistas investigam como é ser mulher no mundo e a importância de se falar sobre feminicídio, casamento infantil, diferença salarial, abuso sexual, entre outros assuntos urgentes.

GLOBO
A partir do dia 8 de março, a Globo exibe, nos intervalos da programação, a campanha feita em parceria com a ONU Mulheres e o Fundo Elas, parte da plataforma Tudo Começa pelo Respeito. O filme tem o objetivo de ampliar a discussão sobre os direitos das mulheres e a luta por um país que não apenas tolere, mas entenda as diferenças.

Em conteúdo gerado pela plataforma REP – Repercutindo Histórias, criada para compartilhar histórias inspiradoras e dar visibilidade a assuntos de interesse social, mulheres ativistas dão depoimentos mobilizadores. Entre os nomes que contam suas histórias em vídeos que serão publicados, nesta sexta-feira, 8, nas redes sociais da Globo, estão Barbara Penna, sobrevivente de uma tentativa de homicídio, a filósofa Djamila Ribeiro e a jornalista Débora Thomé, fundadora do bloco de carnaval Mulheres Rodadas. Elas falam sobre violência doméstica, desigualdade em políticas públicas e liberdade da mulher.

A temática também embala o Altas Horas deste sábado, 9. Serginho Groisman recebe convidadas de diferentes perfis, conscientes da importância da voz feminina na sociedade: a atriz Camila Pitanga, a nadadora Joanna Maranhão e as cantoras Maria Rita, Valesca Popozuda e Maiara & Maraisa.

Uma reunião de talentos femininos deu origem à nova série do Fantástico, que estreia no domingo, 10. Mulheres Fantásticas mistura linguagem documental e animação para contar a história de mulheres que 'ousaram' entrar em territórios considerados masculinos, conquistaram seu espaço e mudaram a história, abrindo um novo caminho para as novas gerações.

Escrita, roteirizada, ilustrada, animada, produzida e editada por um time feminino, a série de seis capítulos terá como narradoras Fernanda Gentil, Tais Araújo, Iza, Fernanda Torres, Vera Holtz e Glória Pires. Na sequência, uma matéria jornalística faz a conexão entre a personagem apresentada e a atualidade. Na estreia, Tais Araújo narra a história da paquistanesa Malala Yousafzai, mais jovem vencedora do Prêmio Nobel da Paz e ativista defensora da educação de mulheres e meninas.

Documentário Chicks on Board é uma das atrações do canal OFF no Dia da Mulher. Foto: Divulgação
Documentário Chicks on Board é uma das atrações do canal OFF no Dia da Mulher. Foto: Divulgação

OFF
Nesta sexta-feira, 8, o Canal OFF exibe uma programação de 12 horas com mulheres superando limites em seus esportes. Dentro do especial, às 20h tem a exibição inédita do documentário Chicks on Board, que conta a história de cinco mulheres completamente diferentes que vivem em lugares distintos e lutam como guerreiras pelos seus sonhos. Em seguida, às 22h, estreiam dois episódios da série original Contos da Mulher Aventureira, que traz histórias inspiradoras de dez brasileiras que representam o arquétipo da mulher aventureira e que possuem em comum o amor pelos esportes e a determinação de superarem seus medos e seguirem seus sonhos.

LIFETIME
Em formato de cápsulas com cinco minutos de duração, a série O Álbum das Mulheres Incríveis estreia no LIFETIME no dia 4 de março. Em 16 episódios, a produção apresenta mulheres que marcaram a história ou que estão deixando um legado importante no mundo.

Personagens como Amelia Earhart, Cleópatra, Malala Yousafzai, Frida Khalo, Maya Angelou, J.K. Rowling, Beyoncé e a jogadora Marta, entre outras, são apresentadas de forma teatral e divertida, com informações sobre suas vidas antes e depois da fama. O objetivo da série é inspirar mulheres reais, por meio das histórias de figuras femininas poderosas de todas as épocas e de diferentes áreas de atuação, como arte, ciência, política.

Filme protagonizado por Viola Davis, Octavia Spencer e Emma Stone também integra a programação. Foto: Divulgação
Filme protagonizado por Viola Davis, Octavia Spencer e Emma Stone também integra a programação. Foto: Divulgação
 
NETFLIX
Considerada a gigante do streaming, a Netflix incluiu em seu catálogo de opções alguns titulos que represetam a força e presença marcante das mulheres ao redor do mundo. Produções como O Sorriso de Monalisa, Histórias Cruzadas, Frida, Até o Limite da Honra, A Jovem Rainha, Carol, Minha Primeira Luta, Uma Linda Mulher, Felicidade por um fio, Baby e Bird Box estão entre os destaques da plataforma. 
 
Produções como A Dama Dourada e Carol estão em cartaz na programação especial do NOW, plataforma de streaming da NET. Foto: Divulgação
Produções como A Dama Dourada e Carol estão em cartaz na programação especial do NOW, plataforma de streaming da NET. Foto: Divulgação

NOW 
Outra plataforma de destaque o NOW, rede de streaming da NET preparou uma lista especial para celebrar o Dia das Mulheres. Para a ocasião, foram selecionados mais de 50 filmes dos mais variados gêneros, protagonizados por grandes estrelas do cinema como Helen Mirren, Charlize Theron, Meryl Streep, Shailene Woodley, Sandra Bullock entre outras damas do cinema. Entre os títulos de destaque estão Carol, Oito Mulheres e um Segredo, que junta diversas mulheres poderosas no elenco, como Anne Hathaway, Rihanna, Helena Bonham Carter e Sarah Paulson, Jackie, com Natalie Portman; Para Sempre Alice, que deu à Julianne Moore o OSCAR de Melhor Atriz; o romance A Incrível História de Adaline; A Dama Dourada, A Jovem Rainha, filme que conta a história da rainha coroada da Suécia, interpretada por Malin Buska, Vidas à deriva, Para Sempre Alice, Miss Simpatia, Garota Exemplar entre outros filmes. O Especial Mês das Mulheres fica disponível entre os dias 08 e 31 de março, com filmes com 50 % de desconto, para os clientes da NET e Claro.




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas