cultura Recife recebe 1ª edição do TELA, evento voltado para produções audiovisuais Voltado para estudantes, profissionais do audiovisual e população em geral, evento acontece desta quarta até sexta-feira em Boa Viagem

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 27/11/2018 20:02 Atualizado em: 27/11/2018 20:14

A bancada do TELA será formada por empresas como Paris Filmes, Galeria Distribuidora, Downtown Filmes, Canal Brasil entre outras. Foto: Pixabay
A bancada do TELA será formada por empresas como Paris Filmes, Galeria Distribuidora, Downtown Filmes, Canal Brasil entre outras. Foto: Pixabay

Com o objetivo de propagar novas tendências e intensificar a prática da produção audiovisual no estado, o Recife recebe de hoje até sexta-feira (30), a primeira edição do TELA – Tecnologia, Entretenimento, Linguagens e Audiovisual. Com uma programação diversificada que abrange atividades como palestras sobre empreendedorismo, novas mídias, televisão, treinamentos, debates, rodadas de negócios e discussões com relação a produções do seguimento e novas possibilidades para o setor em Pernambuco e no Nordeste, o evento desembarca no Hotel Nobile Suítes Executive (Av. Boa Viagem, Nº 344), com uma grade em horários variados. 

Voltado para profissionais da área, estudantes e população em geral, o encontro vai reunir uma série de especialistas e empresas do seguimento e vai contar com a participação de nomes da esfera audiovisual e do meio cultural como Rafael Cortez, apresentador e jornalista, Jorge Assumpção, diretor de programação da Paris Filmes, Gabriel Gurman, diretor geral da Galeria Filmes, Carlos Wanderley, gerente de produção do Canal Brasil, Breno Sampaio, economista da UFPE, Sérgio Sá Leitão, Ministro da Cultura entre outras personalidades. 

O jornalista e apresentador, Rafael Cortez é um dos palestrantes do TELA. Foto: Divulgação
O jornalista e apresentador, Rafael Cortez é um dos palestrantes do TELA. Foto: Divulgação


Desenvolvido pelos economistas e produtores pernambucanos, Sandra Bertini e Alfredo Bertini, dupla responsável por festivais conceituados como o Cine PE, a conferência vai funcionar sob duas etapas: as rodadas de negócios e os workshops e seminários. De acordo com Sandra Bertini, o TELA é um grande marco para o seguimento audiovisual em Pernambuco, pois vai apresentar novas vertentes do cenário atual e contribuir na formação de profissionais e adeptos da área.

"O audiovisual é uma das formas de comunicação que está em constante mudança. E diante dessas transformações, é preciso que o mercado absorva todas essas novidades. Não só o estado de Pernambuco, mas o Nordeste é uma região muito rica em produções e conteúdos audiovisuais que precisam ser difundidos. E esse é um dos intuitos do evento. Expandir o número de produtores e materiais, criando novas possibilidades de negócios, viabilizando o crescimento local e regional", afirmou a idealizadora do projeto.  

Ao todo, 35 produtoras no Norte e Nordeste se inscreveram para as rodadas de negócio do TELA, sendo 25 delas de Pernambuco. A bancada de players compradores, será formada por empresas como Paris Filmes, Galeria Distribuidora, Downtown Filmes, Canal Brasil, Prime Box Brazil, Travel Box, Fashion TV, Music Box, TV Rá Tim Bum, Simba Content, SBT Nordeste, Look e Encripta. A programação completa e as inscrições para os seminários e workshops estão disponíveis no site: www.tela.work. A participação no evento custa R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia). 

Serviço
1º edição do TELA no Recife 
Quando: de 28 a 30 de novembro, em horários variados
Onde: Hotel Nobile Suítes Executive (Av. Boa Viagem, Nº 344), Piso G3 - Salão de Eventos
Quanto: R$ 50 (inteira), R$ 25 (meia).
Informações: www.tela.work


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas