Literatura Rede Livraria Cultura pede recuperação judicial por dificuldades financeiras A companhia não tem conseguido solucionar problemas financeiros e teve de recorrer à proteção da Justiça

Por: Agência Estado

Publicado em: 25/10/2018 10:53 Atualizado em: 25/10/2018 11:22

A empresa foi criada por Eva Herz, em 1947, e hoje está em sua terceira geração de administradores. Foto: Reprodução da Internet
A empresa foi criada por Eva Herz, em 1947, e hoje está em sua terceira geração de administradores. Foto: Reprodução da Internet

A Livraria Cultura entrou com pedido de recuperação judicial, segundo comunicado distribuído nesta quarta-feira (24) a editoras e credores da companhia. Mesmo depois de receber uma injeção de cerca de R$ 130 milhões para encerrar as operações da rede francesa Fnac no País, a companhia não conseguiu solucionar seus problemas financeiros e teve de recorrer à proteção da Justiça.

A empresa foi criada por Eva Herz, em 1947, e hoje está em sua terceira geração de administradores. Em julho deste ano, a tradicional Livraria Cultura do Paço Alfândega, no Bairro do Recife, fechou as portas. Ela havia sido inaugurada há 14 anos e contava com estrutura ampla, com auditório, espaço infantil, acesso para cadeirantes, wi-fi, um Café e espaço para leitura.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas