• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Show Cantor de jazz John Pizzarelli resgata repertório de Sinatra e Jobim em show no Recife Daniel Jobim também participa do show neste fim de semana

Por: Fellipe Torres - Diario de Pernambuco

Publicado em: 02/03/2018 20:47 Atualizado em:

Pizzarelli abriu shows para Frank Sinatra em 18 cidades em 1993. Foto: Jacob Blickenstaff/Divulgação
Pizzarelli abriu shows para Frank Sinatra em 18 cidades em 1993. Foto: Jacob Blickenstaff/Divulgação

Há um adágio popular que diz: "Nunca conheça seus ídolos pessoalmente". O conselho reproduzido pelo senso comum tem a ver com um possível desencanto por parte do fã, algo que nunca foi problema para o cantor e guitarrista norte-americano John Pizzarelli. Fã declarado de Frank Sinatra, ele teve a oportunidade de, há 25 anos, acompanhar A Voz em uma turnê. "Abri shows para Sinatra em 18 cidades em 1993. Foi emocionante, para dizer o mínimo", diz o músico, que se apresenta às 21h deste sábado, no Teatro RioMar (Avenida República do Líbano, s/n, Pina). Os ingressos custam R$ 240 (plateia baixa), R$ 220 (alta), R$ 180 (balcão).

Siga o Viver no Instagram

Ao lado dele, estará Daniel Jobim, neto do Maestro Soberano, que participou das gravações do disco Sinatra & Jobim @ 50 (Concord Records), de Pizzarelli, em homenagem às cinco décadas do icônico álbum Francis Albert Sinatra & Antonio Carlos Jobim (1967). "Achei que seria legal para mim e para Daniel Jobim nos juntarmos para gravar. O 50º aniversário do disco de Sinatra e Jobim foi uma desculpa perfeita. Nossa parceria é tremenda. Ele é um excelente músico e amigo. Me mantém nos eixos", frisa o músico norte-americano.

Quer receber notícias sobre cultura via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (81) 99113-8273 e se cadastre 

Daniel faz dueto com Pizzarelli em canções como Água de beber, Bonita, Dindi, Meditação e Corcovado. Os dois cantores serão acompanhados por Andy Watson (bateria), Konrad Paszkudzki (piano) e Mike Karn (baixo). 
Na nova turnê brasileira, que também inclui Fortaleza, São Paulo, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Belo Horizonte, o músico prometeu turbinar o repertório com músicas para além do disco lançado em 1967.

Ele vai tocar Antonio’s song (homenagem a Jobim feita pelo compositor Michael Franks), faixas que Sinatra e Tom gravaram em 1969, além de Don't get around much any more (standard de Duke Ellington e Bob Miley) e canções dos Beatles, como Here comes the sun (George Harrison), Silly love songs (Linda McCartney / Paul McCartney), Let' em in (Linda McCartney / Paul McCartney) e Can't buy me love (Lennon / McCartney). Esta é a segunda apresentação de John Pizzarelli em Pernambuco. Sobre a passagem pelo Recife há três anos, quando se apresentou no mesmo Teatro RioMar, ele diz guardar duas lembranças marcantes: "Lembro do calor que fazia e do calor do povo". 

Serviço
Show de John Pizzarelli com participação de Daniel Jobim
Quando: neste sábado, às 21h
Onde: Teatro RioMar (Avenida República do Líbano, 251, Pina)
Quanto: R$ 240 (plateia baixa), R$ 220 (alta), R$ 180 (balcão), à venda na bilheteria do Teatro RioMar e no site uhuu.com. 

REPERTÓRIO
Baubles, bangels and beads (George Forrest / Robert Wright)
Água de beber (Norman Gimbel / Antônio Carlos Jobim / Vinicius De Moraes)
Meditation / Quiet nights of quiet stars (Norman Gimbel / Antônio Carlos Jobim / Gene Lees/ Newton Mendonça)
Dindi (Ray Gilbert / Antônio Carlos Jobim / Aloysio de Oliveira)
Bonita (Ray Gilbert / Antônio Carlos Jobim)
Two kites (Tom Jobim)
I concentrate on you / Wave (Antônio Carlos Jobim / Cole Porter)
Antonio’s song (Michael Franks)
If you never come to me / Change partners (Irving Berlin / Ray Gilbert / Antônio Carlos Jobim / Aloysio de Oliveira)
Here comes the sun (George Harrison)
Silly love songs (Linda McCartney / Paul McCartney)
Don't get around much any more (Duke Ellington/Bob Miley)
Let’ em in (Linda McCartney / Paul McCartney)
Can't buy me love (Lennon / McCartney)

Acompanhe o Viver no Facebook: 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.



Últimas