• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Internet Gregorio Duvivier rebate acusações sobre financiar tráfico: 'Não pago por maconha faz tempo' 'Quem financia o tráfico é quem tem retorno financeiro com ele (inclusive aqueles que estão no poder)', disse ele

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 02/03/2018 10:23 Atualizado em: 02/03/2018 10:43

Internautas pediram investigação, já que plantio de maconha para repasse é crime. Foto: Facebook/Reprodução
Internautas pediram investigação, já que plantio de maconha para repasse é crime. Foto: Facebook/Reprodução


Gregorio Duvivier afirmou que não precisa pagar para consumir maconha. Em uma foto publicado nas três redes sociais que utiliza, o humorista e escritor compartilhou uma foto envolto em plantação de cannabis para rebater críticas após ser acusado de financiar o tráfico. Os comentários surgiram quando o integrante do Porta dos Fundos criticou a elite do Rio de Janeiro, que, de acordo com ele, pede segurança pública, mas usa drogas. 

Quer receber notícias sobre cultura via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (81) 99113-8273 e se cadastre 

"Para todos que têm repetido que eu FINANCIO o tráfico, gostaria de informar que D'EUS tem sido muito bom comigo e graças a ELE e também a alguns amigos tenho presenciado colheitas espetaculares e não preciso pagar por maconha faz MUITO tempo. Quem financia o tráfico é quem tem retorno financeiro com ele (inclusive aqueles que estão no poder). Um beijo", escreveu o ator e humorista na publicação.

Apresentador do programa Gregnews, da HBO, que satiriza acontecimentos da política brasileira, e conhecido por compartilhar opiniões contundentes nas redes sociais, Gregorio foi alvo de diversas críticas pela foto. Alguns internautas questionaram se ele não seria investigado pela Polícia Federal, uma vez que o artigo 33 da lei 11.343, de agosto de 2006, prevê reclusão de até cinco anos para quem planta a cannabis e fornece a droga a terceiros.

 

Acompanhe o Viver no Facebook:



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas