• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Redes sociais Oprah Winfrey reage a tuíte agressivo de Donald Trump O político criticou a apresentadora no programa 60 minutes ao dizer que suas perguntas foram tendenciosas e os fatos apresentados no programa, incorretos

Por: Agência Estado

Publicado em: 22/02/2018 21:19 Atualizado em:

A apresentadora rebateu as críticas durante o programa de Ellen DeGeneres. Foto: Frederic J. Brown/Divulgação
A apresentadora rebateu as críticas durante o programa de Ellen DeGeneres. Foto: Frederic J. Brown/Divulgação


A apresentadora norte-americana Oprah Winfrey respondeu nesta quinta-feira (22), a um tuíte agressivo do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, contra ela. Após assistir ao tradicional programa 60 minutes, feito pela primeira vez por Oprah, o político escreveu que as perguntas foram tendenciosas e os fatos apresentados no programa, incorretos.

Quer receber notícias sobre cultura via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (81) 99113-8273 e se cadastre 

Em mensagem no Twitter, ele criticou a maneira "insegura" com que ela entrevistou os convidados do programa. "Acabei de ver uma Oprah Winfrey, que a certa altura conheci muito bem, muito insegura ao entrevistar um grupo de pessoas no 60 Minutes. As perguntas foram tendenciosas e enviesadas, os fatos incorretos. Espero que Oprah concorra para ser exposta e derrotada como todos os outros", tuitou Trump.




A apresentadora rebateu as críticas durante o programa Ellen DeGeneres Show nesta quinta-feira, 22. "O que eu fiz foi olhar de novo a gravação e ver se havia algo errado", explicou Oprah ao programa da apresentadora Ellen DeGeneres. Ela contou que, antes de ir ao ar, o programa é avaliado por pelo menos sete outras pessoas, para evitar erros. Segundo ela, houve momentos nas gravações em que faltou equilíbrio, o que foi corrigido após as discussões. 

"Então, eu estava trabalhando muito para fazer o oposto do que foi escrito no tuíte de ódio (de Trump)", disse. O episódio de 60 Minutes do último domingo, 18, focou na polarização política do país durante o governo do empresário.

Acompanhe o Viver no Facebook: 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.



Últimas