• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Música Após ser abandonado por quatro cantoras, Ximbinha lança projeto musical apenas com homens Após o término da Banda X, ex-Calypso aposta no grupo Cabaré do Brega

Por: Agência Estado

Publicado em: 08/02/2018 21:32 Atualizado em:

Ximbinha aparece acompanhado de Kim Marques, Marcelo Wall, Edilson Moreno e Nelsinho Rodrigues. Foto: Instagram/Reprodução
Ximbinha aparece acompanhado de Kim Marques, Marcelo Wall, Edilson Moreno e Nelsinho Rodrigues. Foto: Instagram/Reprodução

Após diversos problemas com as cantoras que passaram por sua banda após o término de seu casamento e sua dupla com Joelma, o guitarrista Ximbinha, ex-Calypso, apareceu com um novo projeto musical, desta vez, ao lado apenas de outros homens, o Cabaré do Brega. Nos materiais de divulgação do grupo, Ximbinha aparece em destaque, seguido pelos músicos Kim Marques, Marcelo Wall, Edilson Moreno e Nelsinho Rodrigues.

Quer receber notícias sobre cultura via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (81) 99113-8273 e se cadastre

De acordo com o perfil da Banda X, que ainda mantém, o projeto reúne Ximbinha e "os astros do brega paraense", e é "100% Pará". Ao longo dos últimos anos, quatro cantoras deixaram os grupos de Ximbinha. A mais recente foi a pernambucana Michele Andrade, que anunciou a saída da Banda X em outubro do ano passado. "Estou deixando de participar da banda em decorrência de descumprimentos do que havia sido estabelecido para o projeto. Fico muito triste em dar essa notícia para todos os fãs, pois sei que já estavam com as melhores expectativas para que tudo desse certo", escreveu ela na época.

O projeto anterior, o grupo XCalypso, foi a primeira aposta de Ximbinha, estreando em janeiro de 2016 com a cantora Thábata Mendes. Ela abandonou o projeto depois de 90 dias, relatando discussões com o músico e afirmando ter sido maltratada por ele. O produtor musical também dividiu os palcos com as cantoras Carla Maués e Leya Emanuelly.
Acompanhe o Viver no Facebook:



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas