Notícias, Esporte, Pernambuco, Política, Tecnologia, Vídeos, Fotos, Mundo, Divirta-se

Diario de Pernambuco Assine o Diario Central de assinantes
Pernambuco.com

Recife, 15/DEZ/2017

  • Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Internet Naldo chora e pede perdão em vídeo após ser preso e acusado de agredir a esposa 'Quero incansavelmente pedir perdão à minha mulher', diz o artista

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 07/12/2017 15:36 Atualizado em: 07/12/2017 16:31

Naldo se diz arrependido pelas agressões e afirma que arma não tem relação com a briga. Fotos: YouTube/Reprodução
Naldo se diz arrependido pelas agressões e afirma que arma não tem relação com a briga. Fotos: YouTube/Reprodução

Acusado de agressão corporal pela esposa, a ex-bailarina Ellen Cardoso, mais conhecida como Mulher Moranguinho, Naldo Benny divulgou um vídeo no qual aparece chorando e pede desculpas. Preso nesta quarta-feira (6) por posse ilegal de arma, após a polícia encontrar uma pistola calibre 3,67 e quatro munições em sua residência, o cantor foi denunciado por Ellen Cardoso, no último fim de semana, de agredi-la com socos, tapas e puxões de cabelo durante uma discussão. 

Quer receber notícias sobre cultura via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (81) 99113-8273 e se cadastre 

"Quero deixar muito claro para a minha mulher que eu estou arrependido, acabado, que eu a amo muito", afirma o cantor em uma das gravações, dizendo que é um "cara de bem" e que tem procurado ajuda de profissionais. "Infelizmente, as coisas tomaram uma proporção gigante", diz. Sobre a presença da arma em sua casa, que resultou na sua prisão, o cantor afirma: "Eu tive um assalto na minha casa e a arma não teve nada a ver com a briga, nunca foi porte meu. Eu nem sabia onde estava a arma, a Ellen diz isso no depoimento dela." 

Naldo foi preso em flagrante nesta quarta-feira (6) depois que policiais da Delegacia de Atendimento à Mulher do Rio de Janeiro cumpriram mandato de busca e apreensão em sua casa, após a denúncia realizada por sua esposa. Ele foi liberado no mesmo dia, após o pagamento de fiança, mas, segundo a Polícia Civil, segue sob investigação pelos crimes de lesão corporal, ameaça e injúria. 

Nos vídeos, ele afirma esperar que sua situação sirva como exemplo. "Eu vou lutar pela minha família incansavelmente. Eu estou disposto a melhorar e dar isso como exemplo para as pessoas que passam por isso, para que eu possa ajudar com o meu testemunho, com a minha mudança de postura. Isso é horrível demais, quem tem sua família e quem ama sua família sabe o que eu estou passando agora", diz Naldo.

PERDA DE CONTRATOS
A Prefeitura do Rio de Janeiro anunciou, na tarde desta quinta-feira (7), a rescisão de contrato com o cantor para shows que ele faria durante a festa do Réveillon de Copacabana, no dia 31 de dezembro. Segundo a RioTur (Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro), o empresário de Naldo já foi comunicado. Outra apresentação do músico, que seria realizada no Clube Monte Líbano, também no Réveillon, foi cancelada e o artista será substituído por Netinho.

Assista ao vídeo:



Acompanhe o Viver no Facebook:




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.









SIGA

Facebook

Google+

Twitter

Rss

[X Fechar]