• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Bicicletários Mercado imobiliário pensa no espaço para ciclistas É reconhecida a necessidade de se criar área para abrigar o novo xodó do recifense: a bicicleta

Por: Germana Macambira - Diario de Pernambuco

Publicado em: 16/05/2013 18:35 Atualizado em: 16/05/2013 18:45

Crédito: Bruna Monteiro/DP/DA Press.
Crédito: Bruna Monteiro/DP/DA Press.
O ex-atleta e hoje servidor público Luiz Pereira Lins Netto utiliza uma das três bicicletas que tem para fazer o trajeto entre a casa e o trabalho. E precisa subir alguns lances de escada para guardá-la na varanda do apartamento onde mora. O prédio até disponibiliza um espaço para as bicicletas dos moradores, mas está longe do ideal. Assim como ele, outros moradores sentem falta de estrutura nos edifícios para abrigar o veículo. Os bicicletários ainda não são prioridade. Mas esse cenário promete mudar. Construtoras reconhecem a necessidade de oferecer esse suporte, já que pedalar é o mais novo hábito dos recifenses.

De acordo com Luiz, é incômodo deixar a bicicleta na varanda. Primeiro porque o espaço é pequeno e depois, não é raro as vezes em que ele precisa, antes de subir, lavar e tirar toda a sujeira dos pneus. Tudo isso por não ter uma área para guardá-la.

Levantamento feito pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), aponta que em 2012, houve um crescimento de 5,9% na produção de bicicletas, isso em relação ao ano anterior. Neste ano devem ser produzidas mais de 4 milhões de unidades. Números que podem servir de alerta às construtoras, que prometem apostar nos bicicletários em seus projetos.

O diretor da Vale do Ave, Moisés Costa, reconhece uma mudança de hábito na rotina de parte dos moradores dos edifícios erguidos pela construtora. E afirma que espaços exlcusivos vão fazer parte da estrutura dos projetos futuros. Costa afirma que há uma sensibilidade por parte da empresa, tendo em vista essa nova realidade e a implementação nos empreendimentos residenciais, de bicicletários, vai ser feita. Inclusive nos que já estão sendo construídos.

A mesma promessa é feita por Sérgio Arruda, da Construtora Dallas, que também assegura que vai haver bicicletários nos próximos projetos. Ele assegura ue vai ser prioridade nos lançamentos seguintes da empresa.

Uma saída que vai agradar ciclistas como Maria Lúcia de Alcântara, que mora na Tamarineira. %u201CNão há como ignorar uma realidade que deve fazer parte, a curto prazo, da rotina de uma boa parte dos moradores dos edifícios no Recife%u201D, diz.

TAGS:

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.


Últimas